Governo muda regras do Minha Casa Minha Vida e MAIS brasileiros podem ter a casa própria

O governo federal decidiu mudar as regras do Minha Casa, Minha Vida aumentando o desconto para as famílias. A medida é válida para famílias com renda mensal até R$ 4,4 mil. o anúncio foi feito pelo ministro das Cidades, Jader Filho. Confira quem serão os beneficiários.

Governo muda regras do Minha Casa, Minha Vida e MAIS brasileiros podem ter a casa própria  (Imagem: Jeane de Oliveira/ FDR)

Boa notícia para os brasileiros, o governo federal acaba de anunciar um aumento dos descontos do Minha Casa, Minha Vida. A expectativa é de que centenas de famílias com renda mensal até R$ 4,4 mil sejam beneficiadas. A intenção é possibilitar que mais pessoas tenham acesso ao financiamento do seu imóvel.

Novas regras do Minha Casa, Minha Vida

  • O anúncio foi feito no começo da semana pelo ministro das Cidades, Jader Filho, durante participação em um evento na cidade de Belém, no Pará.
  • A intenção do governo é aumentar os descontos para as famílias de baixa renda
  • Assim, serão contemplados os brasileiros que fazem parte das faixas 1 e 2 do programa, ou seja, aqueles que possuem renda mensal até R$ 4,4 mil
  • A ampliação é voltada aos moradores da região Norte do país.
  • A ação deve resultar em redução ou corte do pagamento da entrada ou ainda na redução das prestações devidas.
  • Essa ampliação é resultado do levantamento que apontou que a região é responsável por 10,3% do déficit habitacional das pessoas que ganham acima de 1 salário-mínimo.
  • Além disso, o governo percebeu que os moradores dessa região são os que menos utilizam os recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para o financiamento de imóveis.

Novos descontos no Minha Casa, Minha Vida

  • A medida do governo deve fazer com que as famílias tenham descontos entre 8% e 33% nos municípios maiores da região Norte do país.
  • A expectativa é de que essas medidas façam com que as construtoras tenham mais interesse em fazer projetos nessas cidades.
  • Para as famílias residentes em municípios menores os descontos serão entre 15% e 18%

De acordo com a nossa especialista Laura Alvarenga um estado brasileiro bateu o recorde de financiamentos pelo programa, veja qual foi.

 

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Jamille Novaes
Baiana, formada em Letras Vernáculas pela UESB, pós-graduada em Gestão da Educação pela Uninassau. Apaixonada por produção textual, já trabalhou como corretora de redação, professora de língua portuguesa e literatura. Atualmente se dedica ao FDR e a sua segunda graduação.