Inscrições HOJE (03/04) para receber adicional de R$ 150 dentro do Bolsa Família

O pagamento do Bolsa Família para abril começa em duas semanas. Até lá, quem quiser potencializar o valor recebido pode atualizar a sua inscrição no Cadastro Único alterando o perfil da sua família. A partir disso, pode conquistar uma quantia adicional no pagamento deste mês. 

bolsa família
Inscrições HOJE (03/04) para receber adicional de R$ 150 dentro do Bolsa Família (Imagem: FDR)

O pagamento mínimo do Bolsa Família é de R$ 600, mas há benefícios complementares que aumentam a quantia final. Tanto que segundo o próprio Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), em março o benefício médio chegou a R$ 680, ou seja, mais do que o piso. 

Quem tem direito ao adicional de R$ 150 no Bolsa Família?

Para conseguir mais R$ 150 dentro do Bolsa Família e passar a receber R$ 750 todo mês é preciso se enquadrar na regra do Benefício da Primeira Infância. Dentre os benefícios complementares é este que garante o valor de R$ 150. São contemplados:

  • Cada criança que tem de 0 a 6 anos de idade. 

Existem outras formas de potencializar o valor repassado pelo programa todo mês. Somando os outros benefícios, dessa forma:

  • Benefício Variável Familiar: paga R$ 50 para crianças acima de 7 anos, jovens até 18 anos e gestantes;
  • Benefício Nutrizes: paga R$ 50 para bebês de até 6 meses. 

Como pedir o benefício adicional no Bolsa Família?

O governo federal precisa conhecer a composição da sua família para aprovar a inclusão dos benefícios complementares. Para aumentar o valor do Bolsa Família é necessário:

  • Comparecer até o CRAS (Centro de Referência e Assistência Social) mais próximo;
  • Pedir pela atualização do Cadastro Único;
  • Levar certidão de nascimento da criança ou do jovem que está sob sua responsabilidade, ou cartão do pré-natal que comprove a gestação;
  • Após a atualização dos dados o governo altera o valor do benefício incluindo os adicionais. 

Além dos filhos, se os netos, sobrinhos, afilhados ou enteados estiverem sobre guarda legal do titular do Bolsa Família é possível solicitar o benefício complementar. 

Mas atenção, quando se tem criança na família é preciso seguir algumas regras de condicionalidades. Eu explico como essas regras funcionam e o que é necessário fazer para não perder o acesso ao seu pagamento, nesta matéria

 

Lila Cunha
Autora é jornalista e atua na profissão desde 2013. Apaixonada pela área de comunicação e do universo audiovisual. Suas redes sociais são: @liilacunhaa, e-mail: [email protected]