Quem tem CadÚnico vai ter pagamentos do Bolsa Família feitos por inteligência artificial a partir de HOJE (20/03)? Entenda

Em busca de otimizar os dados que estão disponíveis no CadÚnico, o ministro do Desenvolvimento Social, Wellington Dias, afirmou que utilizará Inteligência Artificial (IA) nos pagamentos do Bolsa Família. Na prática, essa será uma forma de passar um pente-fino no programa, e pagar apenas aqueles que realmente têm direito de receber a ajuda mensal.

De acordo com Wellington Dias, pelo menos 2% daqueles que recebem pagamentos do Bolsa Família não teriam direito ao benefício. Por isso, acredita-se que o uso de IA será eficiente para colocar fim nas fraudes, e chegar a 100% de eficiência, e dar acesso ao programa apenas para quem realmente tem direito de recebê-lo.

Pagamentos do Bolsa Família por inteligência artificial começam hoje?

Não! O uso da Inteligência Artificial será colocado em prática aos poucos. Na realidade, esta tecnologia não será visível aos olhos dos inscritos. Mas, funcionará como um processo de fiscalização de dados do CadÚnico, a fim de melhorar o repasse da verba para o Bolsa Família.

O número de fraudes no programa subiu principalmente durante o ano eleitoral, em 2022, de acordo com o ministro do Desenvolvimento Social. Desde então, têm sido aplicados pente-finos que estão diminuindo o total de beneficiários, e excluindo quem entrou por suspeita de fraude. 

Não esperar primeiro ter a fraude para depois descobrir. Nós queremos evitar antes do primeiro pagamento. Essa que é a eficiência que queremos alcançar no Cadastro Único […] Há uma rede federal de fiscalização do Bolsa Família e quem se atrever a fraudar vai pagar”, afirmou Dias.

Fiscalização do Cadastro Único

A apresentação de Inteligência Artificial foi feita durante a cerimônia de lançamento do plano anual da rede federal de fiscalização do Bolsa Família e Cadúnico, no dia 19 de março. O objetivo deste plano é prevenir fraudes, e melhorar o processo de averiguação dos dados que são cadastrados na plataforma.

“(…) nós vamos ter mais de 1,3 pentabytes de informações em sistema de cruzamento e esse cruzamento com inteligência que permite alcançar ali informações precisas sobre quem é de alguma forma não está cumprindo a regra e está recebendo”, disse o ministro do Desenvolvimento Social.

Para saber como se proteger do pente-fino, e qual conduta seguir para não ter seu pagamento bloqueado, leia esta matéria escrita por mim.

Lila Cunha
Autora é jornalista e atua na profissão desde 2013. Apaixonada pela área de comunicação e do universo audiovisual. Suas redes sociais são: @liilacunhaa, e-mail: [email protected]