MULHERES do CadÚnico ganham novas oportunidades

A recomendação do poder público é de que a inscrição no CadÚnico (Cadastro Único de Programas do Governo) seja feita por mulheres, acima de 16 anos. São mães, madrastras, avós, tias, todas chefes de família e que representam aquele grupo como seus dependentes. Agora, esse público ganhou uma nova oportunidade para investir em si mesma. 

cadúnico
MULHERES do CadÚnico ganham novas oportunidades (Imagem: FDR)

As mulheres inscritas no CadÚnico vão em busca principalmente de benefícios sociais e financeiros. Mas, nem sempre é asism que elas são contempladas. Isso porque, uma das inicitivadas do poder público é chamada de Programa Mulheres Mil e oferece capacitação profissional para as chefes de família que vivem em condição de baixa renda, mas que não têm oportunidade de se profissionalizar. 

Programas Mulheres Mil para inscritas no CadÚnico

O Programa Mulheres Mil reúne um conjunto de políticas públicas voltadas a incluir educacionalmente e socialmente as mulheres que vivem em condição de vulnerabilidade. Para que sejam reconhecidas é necessário que estejam inscritas no CadÚnico

A partir da parceria do poder público com institutos federais, são lançadas vagas em cursos profissionalizantes, técnicos e de aperfeiçoamento. O foco dessas formações são em atender:

  • mulheres a partir de 16 anos;
  • em situação de vulnerabilidade social e econômica em contexto de pobreza e extrema pobreza;
  • baixo grau de escolarização;
  • mulheres que são responsáveis “sozinhas” pelos cuidados no ambiente familiar;
  • vítimas de violência doméstica.

Inscrição nos cursos profissionalizantes Mulheres Mil 

Além de estarem inscritas no CadÚnico, as mulheres interessadas em fazer um curso de capacitação e/ou profissionalização, precisam procurar algumas instituições que são as responsáveis pelo oferecimento dessas vagas. A recomendação do Ministério do Educação é de que as inscrições sejam realizadas em:

  • Instituto Federal; ou
  • Escola Técnica de Universidade Federal; ou
  • Secretaria de Educação de seu estado.

Para saber as outras vantagens de se inscrever no CadÚnico, clique nesta matéria escrita por mim. 

Lila Cunha
Autora é jornalista e atua na profissão desde 2013. Apaixonada pela área de comunicação e do universo audiovisual. Suas redes sociais são: @liilacunhaa, e-mail: [email protected]