Contribuição do INSS com novo valor começa a vencer; confira onde pagar

Venceu na última quinta-feira (15) a contribuição do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) referente ao mês de janeiro de quem paga conta própria. São as categorias de Contribuinte Individual e Facultativo. Este foi o primeiro pagamento considerando os valores reajustados do piso e do teto previdenciário.

Contribuição do INSS com novo valor começa a vencer; confira onde pagar
Contribuição do INSS com novo valor começa a vencer; confira onde pagar (Imagem/Montagem: FDR)

Os pagamentos para contribuição do INSS devem ser feitos usando a Guia da Previdência Social (GPS). O boleto está disponível para emissão no aplicativo e site Meu INSS, e não é preciso fazer login. O próprio contribuinte pode decidir se vai pagar a contribuição sobre o piso ou sobre o teto da Previdência.

Valor de contribuição do INSS para autônomos

Os trabalhadores com registro em carteira já têm automaticamente o desconto da contribuição do INSS em seus salários. Todos os meses o empregador recolhe do salário bruto do funcionário a quantia que é transferida automaticamente para a Previdência Social.

Os maiores salários têm as maiores contribuições, mas também oferecem os melhores valores de aposentadoria, pensão e auxílios temporários. No caso do trabalhador autônomo ele tem três tipos de planos disponíveis calculadas sobre o teto (R$ 7.786,02) e o piso (R$ 1.412).

  • Plano normal: recolhe 20% da renda obtida, sendo no mínimo sobre o piso previdenciário, que é igual ao salário-mínimo, e no máximo sobre o teto previdenciário;
    • do piso: R$ 282,40 em 2024;
    • do teto: R$ 1.557,20 em 2024.
  • Plano simplificado: apenas ao Contribuinte Individual que trabalhe por conta própria e não preste serviço a empresa e ao Contribuinte Facultativo;
    • 11% do piso: R$ 155,32 em 2024.
  • Facultativo de baixa renda: pode contribuir nessa categoria a pessoa que não possui renda própria e se dedique exclusivamente ao trabalho doméstico no âmbito de sua residência, com renda familiar de até dois salários-mínimos. Necessário inscrição no Cadastro Único;
    • 5% do piso: R$ 70,60 em 2024.

Como emitir a guia de contribuição do INSS

  • Acesse o Meu INSS e clique em “Emitir guia de pagamento”;
  • Informe o seu NIT (Número de identificação do trabalhador);
  • Avance clicando em “Confirmar”;
  • Confirme seus dados na página;
  • Preencha os campos com salário, mês de contribuição e selecione o código de pagamento referente a sua modalidade de contribuição.

Lila Cunha
Autora é jornalista e atua na profissão desde 2013. Apaixonada pela área de comunicação e do universo audiovisual. Suas redes sociais são: @liilacunhaa, e-mail: [email protected]