Nova tabela do Imposto de Renda 2024 motiva mudanças no DESCONTO do salário

Um anúncio recente realizado pelo Governo Federal surpreendeu milhões de contribuintes em todo o país. Por meio de uma medida provisória, a tabela do Imposto de Renda 2024 foi atualizada. Com a mudança, os descontos realizados de forma automática na folha de pagamentos dos trabalhadores também serão modificados.

Nova tabela do Imposto de Renda 2024 motiva mudanças no DESCONTO do salário
Nova tabela do Imposto de Renda 2024 motiva mudanças no DESCONTO do salário. (Imagem: FDR)

A medida já está em vigor. Ou seja, já deverá ser aplicada com relação ao salário do trabalhador referente ao mês de fevereiro. A mudança atinge especialmente os trabalhadores que tem a remuneração mensal de até dois salários mínimos. Em 2024 esse valor é referente a R$ 2.824.

Além dos trabalhadores, a nova faixa de isenção também atinge os aposentados e pensionistas do INSS. De acordo com o Governo Federal, mais de 15 milhões de brasileiros deverão ser beneficiados diretamente com a iniciativa.

Entenda como funcionará a dedução do Imposto de Renda 2024:

  • Tabela foi ajustada para todos os contribuintes;
  • Isso porque o desconto é realizado de forma progressiva;
  • Dessa forma, um desconto concedido modifica o formato de dedução para todos;
  • Para quem recebe até dois salários mínimos, a isenção foi viabilizada por meio de um desconto simplificado;
  • Ou seja, o valor que deveria ser pago já será descontado na folha de pagamento;
  • Dessa forma, não será necessário realizar um novo pagamento após o envio da declaração do Imposto de Renda;
  • Apesar de já estar em vigor, a medida não altera o envio do documento neste ano;
  • Isso porque o IR 2024 tem como ano base 2023;
  • Ou seja, o contribuinte precisará seguir as regras estabelecidas naquele ano;
  • Confira a nova tabela mensal do Imposto de Renda:
  • Salário de até R$ 2.259,20 – dedução mensal de R$ 0;
  • Salário de R$ 2.259,21 até R$ 2.826,65 – dedução mensal de R$ 169,44;
  • Salário de R$ 2.826,66 até R$ 3.751,05 – dedução mensal de R$ 381,44;
  • Salário de R$ 3.751,06 até R$ 4.664,68 – dedução mensal de R$ 662,77;
  • Salário acima de R$ 4.664,68 – dedução mensal de R$ 896,00.

Consulte outros detalhes sobre a mudança na isenção do Imposto de Renda em 2024 neste link.

Danielle Santana
Jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco, já atuou como repórter no Jornal do Commercio, Diario de Pernambuco e Folha de Pernambuco. Nos locais, acumulou experiência nas editorias de economia, cotidiano e redes sociais. Possuí experiência ainda como assessora de imprensa.