Mega da Virada tem horário limite para apostas determinado pela Caixa

Prestes a ser realizado, o sorteio da Mega da Virada de 2024 tem uma premiação estimada em R$ 570 milhões. O concurso, que acontecerá neste domingo (31), tem horário limite para apostas determinado pela Caixa.

Mega da Virada tem horário limite para apostas determinado pela Caixa
Mega da Virada tem horário limite para apostas determinado pela Caixa. (Imagem: FDR)

Quem desejar participar do concurso da Mega da Virada deverá realizar apostas até às 19h deste domingo. Já o sorteio acontecerá às 20h (no horário do Brasília). A premiação será transmitida ao vivo por meio do canal do YouTube da Caixa Econômica Federal, que está disponível neste link.

Saiba mais sobre o sorteio da Mega da Virada:

  • Apesar de estar estimado em R$ 570 milhões, o prêmio poderá aumentar;
  • Isso porque, na medida em que novas apostas são realizadas, a premiação cresce;
  • Por ser um sorteio atípico, o prêmio não acumula;
  • Dessa forma, existe a certeza de que a premiação será distribuída;
  • Para participar, é preciso realizar ao menos uma aposta simples;
  • Composta por seis dezenas, ela tem o custo de R$ 5;
  • No entanto, o apostador pode escolher realizar uma aposta com mais números;
  • Na medida em que novas dezenas são acrescentadas, o custo também aumenta;
  • Para uma aposta de sete números, por exemplo, o preço é de R$ 35;
  • A tentativa pode ser realizada de duas formas;
  • A primeira delas é pessoalmente, em uma das casas lotéricas da Caixa;
  • Outra opção é realizar uma aposta online;
  • Nesse caso, é necessário baixar o aplicativo ou acessar o site das Loterias Caixa;
  • Vale lembrar que, no Brasil, as apostas só podem ser realizadas por maiores de 18 anos;
  • Dessa forma, ao acessar a plataforma, o cidadão deverá confirmar sua maioridade;
  • Em seguida, ele deverá escolher as dezenas em que deseja apostar e realizar o pagamento do bilhete.

Consulte outras informações sobre o sorteio da Mega da Virada 2024 neste link.

Danielle Santana
Jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco, já atuou como repórter no Jornal do Commercio, Diario de Pernambuco e Folha de Pernambuco. Nos locais, acumulou experiência nas editorias de economia, cotidiano e redes sociais. Possuí experiência ainda como assessora de imprensa.