INSS alerta sobre novo golpe da Prova de Vida online; Veja como não cair

O INSS acaba de emitir um alerta sobre o golpe da prova de vida online. Aposentados e pensionistas devem ficar atentos para perderem dinheiro nesse novo esquema criminoso. Veja o que diz o Instituto Nacional do Seguro Social.

INSS alerta sobre novo golpe da Prova de Vida online; Veja como não cair
INSS alerta sobre novo golpe da Prova de Vida online; Veja como não cair (Imagem: FDR)

O Instituo Nacional do Seguro Social atende atualmente mais de 39 milhões de pessoas em todo o país. Por isso o INSS se preocupa tanto com a segurança financeira dos seus segurados e realiza ações para combater ações criminosas. A mais recente é o golpe da prova de vida online.

Sobre ele o Instituto acaba de emitir um alerta para evitar que os seus segurados sejam vítimas.

Golpe da Prova de Vida online

  • Nesse golpe os criminosos ligam para o segurado informado sobre a necessidade de realização de uma perícia online.
  • Eles afirmam que essa é a nova modalidade adotada pelo INSS.
  • No momento seguinte ele pede a confirmação de dados pessoais, bancários e o envio de uma foto e dos documentos digitalizados.
  • Com esses dados em mão ele pode praticar golpes no nome do segurado.

Como não cair em golpe

  • Realize suas operações apenas pelos canais oficiais, como o Meu INSS.
  • Jamais compartilhe seu login e senha
  • Mantenha os dados de contato, como telefone, e-mail e endereço atualizados no Meu INSSou pelo telefone 135.
  • Não atenda as ligações supostamente do INSS se elas não forem feitas pelos números oficiais, saiba quais são eles.
  • Não clicar em links enviados por SMS e desconfiar de mensagens não identificadas.
  • Faça a confirmação de convocação para a perícia através do site ou aplicativo Meu INSS.
  • Use apenas os canais oficiais para se comunicar com o Instituto.
  • O Instituto ainda informa que não entra em contato direto solicitando dados ou envio de documentos.
  • Para se prevenir o ideal é seguir monitorando o seu CPF.

Jamille Novaes
Baiana, formada em Letras Vernáculas pela UESB, pós-graduada em Gestão da Educação pela Uninassau. Apaixonada por produção textual, já trabalhou como corretora de redação, professora de língua portuguesa e literatura. Atualmente se dedica ao FDR e a sua segunda graduação.