Bolsa Família faz os seus últimos pagamentos nesta sexta-feira com valores mais altos

A Caixa Econômica Federal (CEF) finaliza nesta sexta-feira, 15, os últimos pagamentos do Bolsa Família da semana. Hoje é a vez do NIS final 5 ter acesso ao benefício com direito a valores mais altos. 

Bolsa Família faz os seus últimos pagamentos nesta sexta-feira com valores mais altos
Bolsa Família faz os seus últimos pagamentos nesta sexta-feira com valores mais altos. (Imagem: FDR)

Iniciado no dia 11 de dezembro de modo antecipado, os pagamentos do Bolsa Família serão concluídos na próxima sexta-feira, dia 22. Os valores são liberados gradativamente seguindo a ordem do dígito final do Número de Identificação Social (NIS)

Até o momento, o Bolsa Família de dezembro já chegou aos grupos compostos pelo NIS final 1, 2, 3, 4 e 5. Agora, a Caixa faz uma pausa durante o final de semana, retomando os depósitos na próxima segunda-feira, 18, com o NIS final 6. 

Normalmente, os mais de 20 milhões de titulares recebem parcelas no valor mínimo de R$ 600. Contudo, algumas pessoas conquistam o direito a valores mais altos em virtude dos benefícios secundários. 

Devido a pagamentos extras como o Benefício Primeira Infância (BPI) e o Benefício Variável Familiar (BVF), alguns titulares do Bolsa Família conseguem acumular uma parcela que pode ultrapassar os R$ 1 mil. Para saber como isso é possível, basta verificar as regras a seguir!

Composição do Bolsa Família

Até que novos valores sejam definidos, o Governo Federal mantém a composição atual para o Bolsa Família da seguinte forma:

BOLSA FAMÍLIA DE DEZEMBRO FOI ANTECIPADO: VEJA QUANDO VOCÊ VAI RECEBER E O VALOR ATUALIZADO!

Quais são as regras do Bolsa Família?

As famílias devem cumprir compromissos nas áreas de saúde e de educação. São elas:

Calendário do Bolsa Família em dezembro

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.
Sair da versão mobile