Inscrição no Bolsa Família pela internet: Veja o passo a passo para participar do programa

Ficou mais fácil se inscrever no Programa Bolsa Família. Agora, todos os brasileiros podem entrar no programa através de um cadastramento online. Nós separamos o passo a passo para você começar a receber os valores do benefício.

URGENTE! 4,7 milhões de cadastros do Bolsa Família são CANCELADOS
Inscrição no Bolsa Família pela internet: Veja o passo a passo para participar do programa (Imagem: FDR)

Antes de mais nada, vale destacar que o caminho para o Bolsa Família começa com o Cadastro Único (CadÚnico), um sistema do Governo Federal que reúne informações da população de baixa renda, abrindo portas para diversos programas sociais.

Quem busca o benefício deve atender a critérios simples: a renda mensal por pessoa não deve ultrapassar meio salário mínimo, equivalente a R$ 660, ou três salários mínimos como renda familiar, totalizando R$ 3.960. Se você se encaixa nesses requisitos, está apto a se inscrever.

O próximo passo é procurar o Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) mais próximo de sua residência. Essas unidades estão estrategicamente distribuídas pela cidade para atender às diferentes regiões, tornando o processo mais acessível.

Inscrição no Bolsa Família pela internet

Antigamente, o CadÚnico era presencial, exigindo uma visita ao CRAS. No entanto, em 2022, o Governo Federal facilitou a vida dos beneficiários, lançando o site e o aplicativo do Cadastro Único.

Uma das funcionalidades é o pré-cadastro online, simplificando o início do processo. Lembre-se, embora o começo seja digital, a etapa final ainda requer uma visita presencial ao CRAS.

Para se inscrever no Cadastro Único é simples, veja:

  • Nomeie um responsável pela família, preferencialmente com mais de 16 anos, para responder ao cadastro. Essa pessoa deve residir no mesmo domicílio que a família.
  • O responsável deve apresentar CPF ou Título de Eleitor (exceções aplicáveis a líderes de famílias indígenas ou quilombolas).

Documentos Necessários

Além disso, todos os membros da família devem apresentar pelo menos um dos documentos a seguir durante a atualização cadastral no CRAS:

  • Certidão de Nascimento;
  • Certidão de Casamento;
  • CPF;
  • Carteira de Identidade (RG);
  • Certidão Administrativa de Nascimento do Indígena (RANI);
  • Carteira de Trabalho;
  • Título de Eleitor;
  • Conta de serviços referente aos últimos três meses.

Ariel França
Sou produtor multimídia com mais de 10 anos de experiência. Formado em Jornalismo e pós-graduado em Direito Administrativo e Gestão Pública. Concentro-me em simplificar temas complexos, como finanças, gestão pública e administração, para torná-los acessíveis a todos os públicos. Acredito na importância de uma comunicação responsável e de alta qualidade em todas as mídias, mantendo-me atualizado constantemente para atender às demandas do mercado de forma competente.