Golpe oferece falso desconto para MEI através do pagamento do imposto via pix

Um novo golpe aplicado no país tem feito vitimado diversos MEI (microempreendedores individuais) no Brasil. Por meio de uma promessa de desconto no pagamento dos impostos devidos, os criminosos conseguem obter dinheiro dos empreendedores de forma ilegal.

Golpe oferece falso desconto para MEI através do pagamento do imposto via pix
Golpe oferece falso desconto para MEI através do pagamento do imposto via pix. (Imagem: FDR)

Para tal, eles enviam uma proposta falsa de pagamento do Simples Nacional ou do DAS. O documento precisa ser quitado mensalmente pelos microempreendedores do país para garantir acesso a diversos benefícios como cobertura do INSS, simplificação dos tributos, entre outros.

No entanto, essa emissão só pode ser feita pelo próprio empreendedor por meio do portal do Simples Nacional, que está disponível neste link. A Receita Federal alerta que, ao receber o boleto diretamente, o MEI deve desconfiar da legitimidade do documento.

Para evitar cair em golpes, o MEI pode realizar o seguinte procedimento:

  • Acesse o Portal do Empreendedor;
  • Em seguida, clique na opção “Já sou MEI”;
  • Na página seguinte, selecione a caixa que diz “Pagamento de Contribuição Mensal”;
  • Escolha a opção “Boleto”;
  • Digite o número do CNPJ da sua empresa;
  • Na próxima etapa, clique em “Emitir Guia de Pagamento”;
  • Selecione o período que deseja realizar a quitação em atraso;
  • Informe em qual data pretende realizar o pagamento;
  • Clique em Gerar DAS.

As taxas que deverão ser pagas variam de acordo com a atividade que é exercida pelo microempreendedor individual. Para saber quanto deverá pagar, o MEI precisa conferir qual atividade selecionou no momento do seu cadastro. A informação também está disponível no boleto de pagamento do DAS.

Confira as taxas do MEI em 2023:

  • Empresas de comércio e indústria (INSS + ICMS): R$67,00;
  • Empresas de serviços (INSS + ISS): R$71,00;
  • Empresas de comércio e serviços (INSS + ISS + ICMS): R$72,00;
  • MEI caminhoneiro (12% INSS + ISS + ICMS): R$164,40.

Confira mais informações sobre a atuação do microempreendedor individual neste link.

Danielle Santana
Jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco, já atuou como repórter no Jornal do Commercio, Diario de Pernambuco e Folha de Pernambuco. Nos locais, acumulou experiência nas editorias de economia, cotidiano e redes sociais. Possuí experiência ainda como assessora de imprensa.