Como entrar no Desenrola Brasil? Acompanhe os critérios da próxima etapa

Como entrar no Desenrola Brasil? Esta vem sendo uma das grandes dúvidas do povo brasileiro nas últimas semanas. O programa destinado à renegociação de dívidas seguem em amplo funcionamento, sendo essencial que os cidadãos saibam sobre as datas limite. Veja abaixo quando o programa se encerra.

Como entrar no Desenrola Brasil? Acompanhe os critérios da próxima etapa (Imagem: FDR)

O Desenrola Brasil segue em funcionamento e pronto para ajudar a população brasileira. O objetivo do programa é, até o dia 31 de dezembro de 2023, ajudar o máximo de pessoas possível. Portanto, esta informação é essencial para todos aqueles que possuem dívidas em seu nome e buscam limpar o seu registro.

Desta forma, os mais diversos bancos, público e privados, estão abrindo espaço e margem para negociação entre as partes. Existem pessoas que já renegociaram as suas dívidas e conseguirem mais de 90% de desconto. Portanto, vem sendo uma grande oportunidade para os brasileiros que desejam limpar o seu nome.

Como participar do Desenrola Brasil?

Para participar do programa, é muito simples. Caso o seu nome esteja vinculado à uma dívida, entre em contato com o banco emissor e busque informações sobre a parceria com o Desenrola Brasil. Com isto, você receberá notícias para o seu cadastro. É importante saber que cada indivíduo tem condições ímpares.

Ou seja, o seu desconto pode ser maior que o do seu familiar e vice-versa. Veja abaixo uma lista dos bancos mais conhecidos que firmaram parceria com o governo federal e estão participando do Desenrola Brasil:

  • Caixa Econômica Federal;
  • Banco do Brasil;
  • Santander;
  • Banco Bradesco;
  • Banco Pan;
  • Nubank;
  • Banco Itaú;
  • Banco Inter;
  • Veja a mais informações clicando aqui;

Quem está apto à participar do programa?

Muitos brasileiros estão em dúvida se podem, ou não, aderir ao programa público. Portanto, caso este seja o seu caso, é fundamental acompanhar as principais notícias e manter-se atualizado(a). Para mais informações sobre o programa de renegociação de dívidas, clique aqui e saiba mais. 

Flávio Costa
Estudante de jornalismo, já atuou na área de assessoria política ao compor o time de comunicação da atual governadora do estado, durante sua campanha eleitoral. Anteriormente, cursou 2 anos no curso de relações internacionais, podendo ampliar sua visão no aspecto macro e micro do cenário nacional e internacional. Fluente em inglês, já atuou como professor de idiomas e também de matemática. Por fim, trabalhou ainda como analista de operações pelo grupo Amazon. Atualmente, dedica-se a universidade e ao portal FDR. Suas redes sociais são @flavioarcosta e [email protected].