Lucro do FGTS em 2024 já tem previsão animando os trabalhadores

Anualmente, trabalhadores brasileiros que possuem vínculo formal de emprego recebem os valores referentes ao lucro do FGTS. Este ano, o pagamento foi realizado durante o segundo semestre e já foi encerrado. Para 2024, a previsão é que a liberação dos recursos aconteça até o mês de agosto.

Lucro do FGTS em 2024 já tem previsão animando os trabalhadores
Lucro do FGTS em 2024 já tem previsão animando os trabalhadores. (Imagem: FDR)

O prazo está determinado em lei e deve ser cumprido pela Caixa Econômica Federal. A instituição financeira é a responsável pela divisão e liberação dos recursos para os trabalhadores formais.

A lei estabelece que a divisão dos recursos seja realizada de acordo com o saldo presente na conta do FGTS do trabalhador até o dia 31 de dezembro do ano de análise. Ou seja, os valores pagos em 2024 levarão em consideração o saldo do ano de 2023.

Como funciona o cálculo do lucro do FGTS?

  • Conta leva em consideração o rendimento líquido obtido pelo Fundo no ano;
  • Em seguida, percentual de distribuição do lucro é estabelecido;
  • Em 2023, 99% do total foi distribuído entre os cotistas;
  • Para 2024, índice ainda não foi fixado;
  • Somente após a definição da taxa, o trabalhador poderá calcular quanto irá receber;
  • Neste ano, cerca de 132 milhões de trabalhadores foram beneficiados;
  • Valor distribuído foi de R$ 12,7 bilhões;
  • A cada R$ 1.000 depositado no Fundo, trabalhador recebeu R$ 24,62;
  • Valor do rendimento é depositado em conjunto com o saldo total;
  • O trabalhador só recebe autorização para realizar o saque em situações específicas como demissão sem justa causa ou fim de trabalho temporário, por exemplo;
  • No entanto, modalidade de saque-aniversário do FGTS possibilita o adiantamento de parte do valor;
  • Para tal, é preciso realizar a adesão ao tipo de saque;
  • O processo pode ser efetivado por meio do aplicativo ou site do FGTS;

Confira mais notícias sobre o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço neste link.

Danielle Santana
Jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco, já atuou como repórter no Jornal do Commercio, Diario de Pernambuco e Folha de Pernambuco. Nos locais, acumulou experiência nas editorias de economia, cotidiano e redes sociais. Possuí experiência ainda como assessora de imprensa.