Consignado do INSS ganha nova taxa de juros SURPREENDENDO brasileiros

A partir desta semana, aposentados e pensionistas que optarem pela contratação de um empréstimo consignado do INSS passarão a pagar novas taxas de juros pela operação de crédito. Os índices foram atualizados recentemente com base na queda da taxa de juros aplicada no Brasil.

Consignado do INSS ganha nova taxa de juros SURPREENDENDO brasileiros
Consignado do INSS ganha nova taxa de juros SURPREENDENDO brasileiros. (Imagem: FDR)

Os valores foram reduzidos, aumentando assim as vantagens da contratação desse tipo de empréstimo pessoal. Agora, para o consignado, a taxa cobrada será de, no máximo, 1,84%. Antes o valor cobrado era de 1,91%. Além disso, o cartão de crédito consignado também passou por reajuste, tendo suas taxas reduzidas de 2,83% para 2,73%.

Confira as principais vantagens do consignado do INSS:

  • Com a redução, os valores se consolidam como os mais baixos praticados pelo mercado;
  • Taxas são válidas apenas para aposentados ou pensionistas pelo INSS e para cidadãos que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC);
  • Modalidade de empréstimo tem o valor descontado diretamente na folha de benefício do segurado;
  • Dessa forma, parcelas contratadas são enviadas automaticamente para a instituição que concedeu o crédito;
  • Vantagem possibilita a baixa queda de juros, já que a modalidade apresenta um baixo risco para os bancos e operadoras financeiras;
  • No entanto, segurado deve ficar atento para evitar cair no alto parcelamento;
  • Grande número de parcelas é capaz de comprometer significativamente a renda das famílias;
  • Recentemente, o INSS afirmou que todos os detalhes referentes aos empréstimos consignados poderão ser consultados por meio do aplicativo ou site do INSS, que está disponível neste link;
  • O objetivo é garantir uma maior transparência para o segurado;
  • Por meio da plataforma, ele poderá consultar as taxas de juros, quantidade de parcelas e data de vencimento da operação, por exemplo;
  • Além disso, será possível verificar também a opção de portabilidade do empréstimo;
  • A medida permite a transferência da operação de crédito para outra financeira que pratique juros menores, por exemplo.

Confira mais informações sobre o Instituto Nacional do Seguro Social neste link.

Danielle Santana
Jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco, já atuou como repórter no Jornal do Commercio, Diario de Pernambuco e Folha de Pernambuco. Nos locais, acumulou experiência nas editorias de economia, cotidiano e redes sociais. Possuí experiência ainda como assessora de imprensa.