Preço dos combustíveis passa por mudanças afetando o bolso dos brasileiros

O preço dos combustíveis está passando por mudanças e isto está afetando o bolso dos brasileiros. Isto vem sendo percebido principalmente pelos motoristas de caminhões, que vem apresentando reclamações diárias sobre a aumento registrado; veja com mais detalhes.

Selic A Selic é a taxa básica de juros da economia. Seu nome vem de uma abreviação de Sistema Especial de Liquidação e de Custódia, um sistema administrado pelo Banco Central do Brasil (BCB) em que são negociados títulos públicos federais.
Preço dos combustíveis passa por mudanças afetando o bolso dos brasileiros (Imagem: FDR)

O preço do Diesel vem sendo um problema na vida dos motoristas. O combustível recebeu mais um aumento, registrando o oitavo reajuste em oito semanas seguidas. Os caminhoneiros do país estão sentindo a mudança do preço no bolso e o isto vem sendo alvo de muitas críticas por parte do setor de trabalhadores.

A Agência Nacional do Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANP) anunciou que o Diesel tipo S-10 foi vendido por R$ 6,22, de acordo com a média nacional. Apesar de pequeno, o valor registra o aumento de R$ 0,02 no preço que vem sendo repassado aos consumidores, que não estão nada felizes com a atualização.

A tendência é que os preços do Diesel continuem subindo nas próximas semanas. Isto porque o governo russo decidiu travar as comercializações do produto envolvendo outros países. A Rússia é um dos maiores produtores da matéria prima e isto trará problemas aos valores repassados ao consumidor final.

Um a cada quatro litros de Diesel no país são importados. Ou seja, este encerramento de negócios com os russos deve trazer um impacto significativo para os cidadãos. Porém, caso o consumidor não use o Diesel e prefira a Gasolina, veja abaixo o que vem sendo feito para reduzir o seu valor.

Diesel e Gasolina: combustíveis estão vivendo momentos diferentes

Enquanto o Diesel passa por um reajuste para cima pela 8ª semana seguida, a Gasolina vem seguindo um sentido oposto. Nas últimas três semanas, a média nacional do combustível vem encontrando quedas. Esta semana, o produto está com um valor médio de venda em R$ 5,84 por litro, registrando queda de R$ 0,02.

Já o Etanol, que acaba sendo esquecido por muitos motoristas, está se mantendo estável no mercado. O produto foi negociado esta semana por R$ 3,64 por litro. Portanto, diferente dos consumidores de Gasolina e Diesel, aqueles que optam pelo Etanol encontram-se em um período de establididade.

Flávio Costa
Estudante de jornalismo, já atuou na área de assessoria política ao compor o time de comunicação da atual governadora do estado, durante sua campanha eleitoral. Anteriormente, cursou 2 anos no curso de relações internacionais, podendo ampliar sua visão no aspecto macro e micro do cenário nacional e internacional. Fluente em inglês, já atuou como professor de idiomas e também de matemática. Por fim, trabalhou ainda como analista de operações pelo grupo Amazon. Atualmente, dedica-se a universidade e ao portal FDR. Suas redes sociais são @flavioarcosta e [email protected].