Titular do Bolsa Família pode fazer apostas online? Entenda a polêmica decisão do governo

Com o recente aval da Câmara dos Deputados, as apostas online foram regulamentadas no Brasil. A nova legislação abre portas para públicos distintos mergulharem neste universo. A partir de agora, titulares do Bolsa Família terão a oportunidade de apostar. 

Titular do Bolsa Família pode fazer apostas online? Entenda a polêmica decisão do governo
Titular do Bolsa Família pode fazer apostas online? Entenda a polêmica decisão do governo. (Imagem: FDR)

A regulamentação do projeto de lei das apostas esportivas chama a atenção justamente pela possibilidade de, um público que recebe o Bolsa Família por viver em situação de vulnerabilidade social, arriscar o benefício em apostas de jogos.

Outros públicos como os segurados do Benefício de Prestação Continuada (BPC), cidadãos inadimplentes e famílias de baixa renda inscritas no Cadastro Único (CadÚnico), também poderão fazer apostas online. 

Este não é um cenário favorável na visão do deputado Áureo Ribeiro, que chegou a apresentar o destaque rejeitado, que tinha o intuito de proibir este grupo de brasileiros [titulares do Bolsa Família], de realizarem apostas online. 

A proposta enfrentou a resistência da maior parte dos legisladores. Agora, os beneficiários do Bolsa Família estão autorizados a emergir neste mercado em ascensão, cuja estimativa é que possa injetar bilhões de reais na economia local nos próximos anos. 

Quem tem direito ao Bolsa Família?

Tem direito toda família com renda mensal de até R$ 218 por pessoa. Isso significa que a renda somada de todos os integrantes da família dividida pelo número de pessoas deve ser menor que R$ 218.

Considere o exemplo de uma mãe que cria sozinha três filhos pequenos. Trabalhando como diarista, ela ganha R$ 800 por mês. Como os filhos não trabalham, esses R$ 800 são a única renda da família. 

Dividindo R$ 800 (renda total) por quatro (número de pessoas na família), o resultado é R$ 200. Como R$ 200 é menor que R$ 218, essa mãe e seus três filhos têm direito a receber o Bolsa Família.

Quais são as regras do Bolsa Família?

As famílias devem cumprir compromissos nas áreas de saúde e de educação. São elas:

  • Realização do acompanhamento pré-natal;
  • Acompanhamento do calendário nacional de vacinação;
  • Realização do acompanhamento do estado nutricional das crianças menores de 7 anos;
  • Frequência escolar mínima de 60% para as crianças de 4 a 5 anos, e de 75% para os beneficiários de 6 a 18 anos incompletos que não tenham concluído a educação básica;
  • A família deve sempre manter atualizado o Cadastro Único (pelos menos, a cada 24 meses).

Novas regras das apostas esportivas

O mercado de apostas esportivas está passando por transformações significativas com a implementação de novas regulamentações. A proposta em questão estabelece requisitos e um processo de autorização para empresas que desejam atuar no ramo das apostas online.

Conforme o texto, caberá ao Ministério da Fazenda a responsabilidade de conceder as autorizações, levando em consideração critérios de “conveniência e oportunidade”. Não haverá um limite estabelecido para o número de casas de apostas autorizadas, porém, as autorizações serão intransferíveis e terão validade de até três anos.

Para solicitar a permissão, as empresas deverão ter sede e ser constituídas no Brasil. O processo de autorização será baseado na análise de documentos, reputação, capacidade técnica e financeira da empresa. 

Além disso, futuras regulamentações do Ministério da Fazenda estabelecerão critérios adicionais, como a estrutura e o funcionamento das empresas. A fim de garantir a segurança e a integridade do mercado, serão adotadas medidas como:

  • A criação de canais de atendimento aos apostadores e ouvidoria;
  • Mecanismos de prevenção à lavagem de dinheiro, ao financiamento do terrorismo e à proliferação de armas de destruição em massa;
  • Ações para prevenir vícios relacionados às apostas e mecanismos para evitar a manipulação de resultados.

Essas medidas visam promover um ambiente regulado e seguro para os apostadores, ao mesmo tempo em que combatem práticas ilegais e protegem a integridade do esporte.

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.