Calendário do PIS 2024 é LIBERADO; veja se você tem direito

O calendário do pagamento referente ao PIS/PASEP 2024 foi liberado. Portanto, caso você seja um trabalhador formal e exerça a sua profissão há pelo menos cinco anos, fique ligado(a) pois você pode estar apto ao recebimento de um benefício lucrativo. Confira abaixo mais detalhes.

Brasileiros têm R$ 120 MILHÕES esquecidos em fundo; veja como solicitar resgate
Calendário do PIS 2024 é LIBERADO; veja se você tem direito (Imagem: FDR)

O calendário referente à quantidade meses trabalhados para receber o pagamento do PIS/PASEP em 2024 foi liberado. Para lembrar, o PIS/PASEP é um benefício pago aos cidadãos que exerceram a sua profissão por ao menos um mês no ano base levantado pela Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil. 

Para estar apto ao recebimento deste benefício, é fundamental que o cidadão siga os requisitos apresentados pelo governo federal. Entre eles, é essencial que o cidadão exerça uma profissão formal há pelo menos cinco anos. Além disto, é necessário que tenha uma remuneração máxima de dois salários mínimos.

Um outro ponto é que a pessoa precisa ter trabalhado ao menos um mês durante o ano base do programa. Ou seja, valor do salário mínimo é dividido em 12 parcelas, onde para cada mês trabalhado, você recebe 1/12 deste valor. Com o aumento registrado no salário mínimo, o benefício também vai aumentar.

Então, caso você ainda não saiba qual é o valor do salário mínimo, decore este valor: R$ 1.320. Porém, não decore por muito tempo pois o governo federal possui algumas mudanças planejadas para o valor do piso salarial nacional. Confira abaixo o que pretende ser alterado no salário mínimo e vai mudar o PIS/PASEP.

O PIS/PASEP é alterado com o aumento do salário mínimo?

Uma das metas do governo federal é ampliar o poder de compra da população. Para isto, o aumento aplicado ao valor do salário mínimo é fundamental. É por isto que no ano que vem, é preciso que o piso salarial receba um reajuste de ao menos R$ 100. Com isto, o PIS/PASEP será alterado, também.

Isto porque assim como o Benefício de Prestação Continuada (BPC), que é um dos grandes programas do INSS, o valor do salário mínimo é utilizado como base para realizar estes pagamentos. Portanto, caso o salário mínimo aumente ou diminua, estes dos benefícios citados (BPC e PIS/PASEP) serão reduzidos.

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Flávio Costa
Estudante de jornalismo, já atuou na área de assessoria política ao compor o time de comunicação da atual governadora do estado, durante sua campanha eleitoral. Anteriormente, cursou 2 anos no curso de relações internacionais, podendo ampliar sua visão no aspecto macro e micro do cenário nacional e internacional. Fluente em inglês, já atuou como professor de idiomas e também de matemática. Por fim, trabalhou ainda como analista de operações pelo grupo Amazon. Atualmente, dedica-se a universidade e ao portal FDR. Suas redes sociais são @flavioarcosta e [email protected].