Encceja 2023: Inscrições já podem ser feitas; confira passo a passo

Quem deseja participar do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos já pode fazer a sua inscrição. Podem participar do Encceja 2023 todas as pessoas que não concluíram o ensino fundamental ou médio na idade certa.

Encceja 2023: Inscrições já podem ser feitas; confira passo a passo
Encceja 2023: Inscrições já podem ser feitas; confira passo a passos (Imagem: FDR)

Com provas marcadas para o mês de agosto, as inscrições do Encceja 2023 já podem ser feitas de qualquer parte do país. Os participantes do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos têm a oportunidade de conquistar os certificados de conclusão do ensino fundamental e médio.

Lembrando que esses certificados são aceitos como comprovantes de escolaridade em qualquer processo seletivo.

Inscrição Encceja 2023

Quem deseja participar do exame tem até o dia 2 de junho para fazer a inscrição através do Sistema Encceja; o prazo também vale para as solicitações de atendimento especializado e de tratamento por nome social.

Durante a inscrição o participante deve indicar a unidade da Federação (estado) e o município onde deseja fazer as provas; nível de ensino que deseja a certificação (fundamental ou médio) e as áreas de conhecimento em que quer ser avaliado. 

A participação é voluntária e gratuita, exceto para quem não compareceu na última edição e não teve a justificativa de ausência aceita.

Quem pode participar do Encceja 2023?

Podem participar do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos quem não concluiu a educação básica na idade certa, ou seja:

  • A partir de 15 anos completos para o ensino fundamental
  • No mínimo, 18 anos completos no caso do ensino médio.

As provas, tanto para o ensino fundamental quanto para o médio, serão aplicadas no dia 27 de agosto.   

Novidades do Encceja 2023

Nessa edição, de acordo com as informações do Ministério da Educação, o exame contará com as seguintes novidades:

  • Inclusão da opção de Cartão-Resposta ampliado no sistema de inscrição para quem tem deficiência visual.
  • Correção diferenciada da redação para pessoas com transtorno do espectro autista.
  • Laudos aprovados em 2022 para o mesmo tipo de atendimento solicitado em 2023 não precisam ser reenviados para nova análise.
  • Participantes travestis, transexuais ou transgêneros com nome social cadastrado na Receita Federal não precisarão enviar documentação comprobatória.

Para saber mais sobre vagas de emprego, vestibulares e cursos, acompanhe a editoria de Carreiras do FDR.

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Jamille NovaesJamille Novaes
Já atuei como professora de língua portuguesa e corretora textual. A produção de texto sempre foi minha paixão, foi na redação do FDR que me encontrei como profissional, por isso me dedico ao meu trabalho e, em busca de oferecer o meu melhor na produção de conteúdo do FDR tenho realizado cursos como o de UX Writing para Transformação Digital, Comunicação Digital e Data Jornalismo: Conceitos Introdutórios e o curso de Produção de Conteúdos Digitais.