Fila de espera do INSS volta a subir e segurados seguem essa alternativa para ANTECIPAR seus pagamentos

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) está com problemas referentes à fila de espera por parte dos beneficiários. Com esta situação, os segurados optam por uma alternativa interessante que faz com que os pagamentos sejam antecipados. Ficou interessado(a)? Acompanhe agora o caso.

Consignado de volta! Entenda o que mudou no empréstimo do INSS e em qual banco solicitar
Fila de espera do INSS volta a subir e segurados seguem essa alternativa para ANTECIPAR seus pagamentos (Imagem: FDR)

A situação envolvendo o tamanho da fila envolvendo os beneficiários do INSS vem assustando o próprio instituto, onde havia sido relatado, desde o ano passado, um número acima da média para as pessoas que estavam solicitando ou até mesmo aguardando o pagamento da parcela do benefício.

Porém, o governo ainda encontra dificuldades de limpar essa fila. Problemas como análise de documentação, problema visto em ambas as partes (onde cidadãos encaminham os documentos incorretos e o INSS não faz a fiscalização com celeridade), e até mesmo o agendamento para perícias médicas.

Desta forma, os brasileiros estão sendo prejudicados pelo não andamentos dos processos. Atualmente, 1,28 milhões de pessoas encontram-se na fila do INSS para aprovação de algum tipo de benefício. A fila só vem aumentando desde o fim do ano passado, quando foram relatadas 1 milhão de pessoas aguardando.

Consequentemente, as famílias que necessitam de uma revisão de dados ou perícia médica são prejudicadas financeiramente, gerando consequências devastadoras para as pessoas que não possuem algum tipo de reserva financeira, investimentos ou poupança emergencial.

O que o INSS vai fazer para mudar a situação?

Com o intuito de que o trabalho de seja feito com mais rapidez, o ministério da previdência social, via ministro da pasta, Carlos Lupi, anunciou o retorno do pagamento de bônus para os servidores do instituto. Com esta medida, o governo procura que os mais de 1 milhão de pessoas na fila tenham uma conclusão.

Também segundo a pasta, é possível que o aumento da fila, principalmente neste início de 2023, foi causada pelo período de férias por parte de muitos servidores, causando uma baixa na equipe e, consequentemente, uma demora na avaliação dos pedidos apresentados pelos beneficiários do INSS.

Acompanhe trecho de nota divulgada pelo ministério da previdência social

“No momento, as equipes estudam todos os processos internos para um diagnóstico da situação atual, visando a proposição de novas medidas que colaborem com a redução do estoque e do tempo médio de concessão”

Flávio Costa
Estudante de jornalismo, já atuou na área de assessoria política ao compor o time de comunicação da atual governadora do estado, durante sua campanha eleitoral. Anteriormente, cursou 2 anos no curso de relações internacionais, podendo ampliar sua visão no aspecto macro e micro do cenário nacional e internacional. Fluente em inglês, já atuou como professor de idiomas e também de matemática. Por fim, trabalhou ainda como analista de operações pelo grupo Amazon. Atualmente, dedica-se a universidade e ao portal FDR. Suas redes sociais são @flavioarcosta e flavioarcosta@gmail.com.
Sair da versão mobile