Estudante de supletivo pode fazer ENEM? Entenda os critérios de candidatura

O ENEM já se tornou a principal forma de ingressar no ensino superior, possibilitando até mesmo estudar em universidades portuguesas. Um dos requisitos básicos para participar é ter concluído o ensino médio. Veja algumas informações importantes.

Estudante de supletivo pode fazer ENEM? Entenda os critérios de candidatura
Estudante de supletivo pode fazer ENEM? Entenda os critérios de candidatura (Imagem: FDR)

Se você ainda não concluiu o ensino médio ou tem previsão de conclusão após esse ano, a sua participação no ENEM será como treineiro, ou seja, você não poderá concorrer a vagas. Isso porque é necessário apresentar o comprovante de conclusão do ensino médio na hora de fazer a matrícula em um curso superior.

Essa regra é válida para o ingresso via Exame Nacional do Ensino Médio e também pelo tradicional vestibular.

Quem fez supletivo pode fazer o ENEM?

O supletivo é que hoje chamamos de Educação de Jovens e Adultos, ou simplesmente EJA. Nessa modalidade as pessoas que não conseguiram concluir a educação básica na idade certa têm a oportunidade de conquistar o certificado de conclusão.

E, sim, quem obteve o certificado através do EJA ou até mesmo do ENCCEJA pode participar do ENEM. O que importa é que ele apresente o documento obtido.

Esses certificados são aceitos em qualquer processo seletivo, seja de concurso público, vestibular ou até seleções privadas.

Cronograma do ENEM 2023

Agora que você já sabe que o seu certificado do EJA ou do ENCCEJA é aceito no exame, confira o cronograma da edição desse ano:

  • Inscrições: de 5 a 16 de junho;
  • Aplicação das Provas: 5 e 12 de novembro;
  • Publicação dos Gabaritos: 24 de novembro;
  • Resultados: 16 de janeiro de 2024.

Além disso, o INEP faz a reaplicação do ENEM e o ENEM PPL nas seguintes datas:

  • Inscrições: de 9 a 27 de outubro;
  • Aplicação das provas: 12 e 13 de dezembro;
  • Publicação dos Gabaritos: 27 de dezembro;
  • Resultados: 16 de janeiro de 2024.

Lembrando que as inscrições no ENEM PPL são feitas pelo responsável pedagógico e não pelo próprio participante.

Para saber mais sobre vagas de emprego, vestibulares e cursos, acompanhe a nossa editoria de Carreiras.

Jamille Novaes
Baiana, formada em Letras Vernáculas pela UESB, pós-graduada em Gestão da Educação pela Uninassau. Apaixonada por produção textual, já trabalhou como corretora de redação, professora de língua portuguesa e literatura. Atualmente se dedica ao FDR e a sua segunda graduação.