Cálculo do PIS/PASEP varia de acordo com tempo de serviço. Saiba agora quanto receber

Pontos-chave
  • O pagamento do PIS/PASEP começa em fevereiro;
  • Para fazer o cálculo do PIS/PASEP é preciso considerar os meses trabalhados em 2021;
  • Tabela completa com os valores já foi compartilhada.

O pagamento do abono salarial é feito uma vez ao ano, sendo atualizado a cada novo depósito. Para que o governo federal faça o cálculo do PIS/PASEP dois fatores muito importantes são levados em conta: quantos meses foram trabalhados no ano base, e o valor atual do salário mínimo. Um fator é multiplicado pelo outro e o resultado final indica quanto o cidadão vai receber.

Cálculo do PIS/PASEP varia de acordo com tempo de serviço. Saiba agora quanto receber
Cálculo do PIS/PASEP varia de acordo com tempo de serviço. Saiba agora quanto receber (Imagem: FDR)

Antes de fazer o cálculo do PIS/PASEP o cidadão precisa saber que nesse ano de 2023 receberão aqueles que trabalharam com carteira assinada em 2021, e que cumpriram com as regras exigidas. Em 2020 não houve pagamento do abono salarial, devido a necessidade de dar um novo destino para esse dinheiro na época de pandemia. O que acabou mexendo no calendário de repasses.

O comum era fazer os depósitos e saques do benefício no ano seguinte ao trabalhado, mas como em 2020 quem trabalhou em 2019 não recebeu, o cronograma foi repassado para 2021. Dessa forma, passou-se a considerar como ano-base dois anos anteriores.

Para quem não pretende fazer o cálculo do PIS/PASEP, existe a opção de consultar o valor que será repassado por canais online. Sendo que a Caixa Econômica vai liberar o abono referente ao PIS (Programa de Integração Social), e o Banco do Brasil fará o pagamento do PASEP (Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público).

Quem tem direito de receber o PIS/PASEP

O cálculo do PIS/PASEP depende dos meses trabalhados no ano-base, mas não é só isso, para receber o abono salarial é preciso também cumprir com regras nesse mesmo ano. A ideia do PIS/PASEP é gratificar os trabalhadores que são classificados como de baixa renda, porque não recebem mais que dois salários mínimos por mês.

As regras sobre a liberação do pagamento envolvem:

  • Ter recebido no máximo dois salários mínimos no ano-base;
  • Registro de no mínimo 30 dias trabalhando com carteira de trabalho assinada no ano-base;
  • Estar registrado no PIS/PASEP (trabalhando com carteira de assinada) há no mínimo cinco anos;
  • Ter sido incluso na declaração de RAIS (Relação Anual de Informações Sociais) entregue pelo empregador.

Para consultar se tem direito de receber o benefício, basta consultar no App Carteira de Trabalho Digital. 

Como fazer o cálculo do PIS/PASEP

Para fazer o cálculo do PIS/PASEP é preciso multiplicar o número de meses trabalhados em 2021 por 1/12 do salário mínimo de 2023. Isso porque, o piso do abono salarial é equivalente a 1/12 do piso salarial do país, enquanto o teto não pode ultrapassar o salário mínimo.

Em 2023 o teto é de R$ 1.302, enquanto o piso é de R$ 108,50. Para fazer o cálculo do PIS/PASEP o cidadão deve:

  • Multiplicar os meses trabalhados em 2021 por R$ 108,50.

Tabela de valor do PIS/PASEP 2023

  • 1 mês trabalhado – R$ 108,50;
  • 2 meses trabalhados – R$ 217,00;
  • 3 meses trabalhados – R$ 325,50;
  • 4 meses trabalhados – R$ 434,00;
  • 5 meses trabalhados – R$ 542,50;
  • 6 meses trabalhados – R$ 651,00;
  • 7 meses trabalhados – R$ 759,50;
  • 8 meses trabalhados – R$ 868,00;
  • 9 meses trabalhados – R$ 976,50;
  • 10 meses trabalhados – R$ 1.085,00;
  • 11 meses trabalhados – R$ 1.193,50;
  • 12 meses trabalhados – R$ 1.302.

Calendário de pagamentos do PIS/PASEP

Os pagamentos do PIS/PASEP começam em fevereiro e terminam em julho, sendo que o prazo final para resgatar a quantia foi marcada para 28 de dezembro. O recebimento acontece presencialmente em uma agência do banco, ou usando os canais online: Caixa Tem e App BB PASEP.

Cronograma do PIS

MÊS DE NASCIMENTO RECEBEM A PARTIR DE RECEBEM ATÉ
JANEIRO 15 DE FEVEREIRO 28 DE DEZEMBRO
FEVEREIRO 15 DE FEVEREIRO 28 DE DEZEMBRO
MARÇO 15 DE MARÇO 28 DE DEZEMBRO
ABRIL 15 DE MARÇO 28 DE DEZEMBRO
MAIO 17 DE ABRIL 28 DE DEZEMBRO
JUNHO 17 DE ABRIL 28 DE DEZEMBRO
JULHO 15 DE MAIO 28 DE DEZEMBRO
AGOSTO 15 DE MAIO 28 DE DEZEMBRO
SETEMBRO 15 DE JUNHO 28 DE DEZEMBRO
OUTUBRO 15 DE JUNHO 28 DE DEZEMBRO
NOVEMBRO 17 DE JULHO 28 DE DEZEMBRO
DEZEMBRO 17 DE JULHO 28 DE DEZEMBRO

Cronograma do PASEP

FINAL DA INSCRIÇÃO RECEBEM A PARTIR DE RECEBEM ATÉ
0 15 DE FEVEREIRO 28 DE DEZEMBRO
1 15 DE MARÇO 28 DE DEZEMBRO
2 17 DE ABRIL 28 DE DEZEMBRO
3 17 DE ABRIL 28 DE DEZEMBRO
4 15 DE MAIO 28 DE DEZEMBRO
5 15 DE MAIO 28 DE DEZEMBRO
6 15 DE JUNHO 28 DE DEZEMBRO
7 15 DE JUNHO 28 DE DEZEMBRO
8 17 DE JULHO 28 DE DEZEMBRO
9 17 DE JULHO 28 DE DEZEMBRO

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Lila CunhaLila Cunha
Autora é jornalista e atua na profissão desde 2013. Apaixonada pela área de comunicação e do universo audiovisual. Suas redes sociais são: @liilacunhaa, e-mail: lilacunha.fdr@gmail.com