Entenda de uma vez o que tem feito o dólar voltar a subir tanto

Na última semana, o dólar aumentou de forma significativa, ultrapassando os R$5,42 na quarta, 6, maior patamar desde o dia 24 de janeiro. A estímulo para este crescimento começou no início do mês passado, quando o presidente Jair Bolsonaro substituiu a idéia da compensação para estados que zerassem a cobrança do ICMS dos combustíveis para a chamada “PEC Kamikaze”.

publicidade

A PEC (Proposta de Emenda Constitucional) foi aprovada na terça passada, 7, pela comissão especial da Câmara dos Deputados e deverá ser votada amanhã, 12, pelo Plenário da Casa. A proposta trata da liberação de R$41 bilhões para que o governo libre a extensão do valor pago pelo Auxílio Brasil e ainda um bônus de R$1.000 para os caminheiros. No entanto, todos estes benefícios terão validade até o fim deste ano.

De acordo com a economista do Banco Ourinvest, Cristiane Quartoli, a possibilidade de gastos mais elevados do governo causou a disparada do dólar. “Quando o governo gasta demais, ele aumenta a dívida pública”, disse ela ao UOL. Dívidas elevadas aumentam a inflação e espanta os investidores. Em decorrência disso, os investidores direcionam seus dólares para outros mercados. E, com menos dinheiro, em circulação no Brasil, o real se desvaloriza.

Crise mundial também impacta no dólar 

“Mas o fator preponderante de alta do dólar é o panorama mundial”, disse também ao UOL Étore Sanchez, economista-chefe da Ativa Investimentos. O mercado nacional pode ser afetado em cheio por expectativas de recessão em diversos países, inclusive nos Estados Unidos, tida como a economia mais estável do mundo. “Como os EUA são grandes parceiros comerciais do Brasil, assim como a China, se eles entram em recessão, comprarão menos de nós”, disse Cristiane.

publicidade

Na quarta da semana passada, o Itaú BBA revisou para baixo sua projeção para o PIB (Produto Interno Bruto) mundial.

“Essa preocupação global faz os investidores tirarem seu dinheiro de mercados emergentes, como o Brasil. E como tem havido muita especulação de que os Estados Unidos devem subir seus juros novamente, eles migram para lá, em busca de uma aplicação mais segura”, disse a economista.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

Vale a pena comprar dólar?

Cristiane afirmou que compraria sim. Em sua visão, o real historicamente costuma desvalorizar nos meses próximos de uma eleição presidencial no país. Sendo assim, no uso prazo, a moeda americana deve ser um um bom investimento.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.