Dataprev consulta 2022: veja aqui o valor do seu AUXÍLIO EMERGENCIAL em julho

Neste mês de julho será pago mais uma rodada do Auxílio Emergencial retroativo. Serão contemplados pais solteiros, chefes de famílias monoparentais que receberam cota simples.

publicidade
Dataprev consulta 2022: veja aqui o valor do seu AUXÍLIO EMERGENCIAL em julho
Dataprev consulta 2022: veja aqui o valor do seu AUXÍLIO EMERGENCIAL em julho (Imagem: FDR)

O Auxílio Emergencial pagava uma parcela dupla às mães solteiras chefes de famílias monoparental. O mesmo pagamento está sendo pago aos pais que se encontram na mesma situação.

Assim, mesmo com o pagamento do Auxílio Emergencial finalizado, o governo está realizando o pagamento retroativo a esses pais. Essa é a segunda rodada de pagamentos do retroativo. 

publicidade

De acordo com os dados do Ministério da Cidadania, mais de 1,2 milhão de pais solteiros estão aptos a receber o benefício. Desse quantitativo, cerca de 823,4 mil homens já foram contemplados.

Sendo assim, nessa rodada 376,6 mil devem ser contemplados. Ao todo, o retroativo passo aos pais terá um custo para o governo de R$ 4,1 bilhões. Para receber é necessário atender aos seguintes critérios:

  • Ter recebido ao menos uma das cinco parcelas distribuídas entre abril e agosto de 2020;
  • Ser homem chefe de família monoparental;
  • Comprovar não possuir cônjuge ou companheira;
  • Cuidar dos filhos ou filho menor de 18 anos sozinho;
  • Estar cadastrado como “Responsável Familiar”;
  • Ter recebido cota simples do Auxílio Emergencial;
  • Estar inscrito no CadÚnico até o dia 2 de abril de 2020;
  • Ter efetuado o cadastro do Auxílio Emergencial através das plataformas digitais até o dia 2 de julho de 2020.

Como consultar o Auxílio Emergencial retroativo?

  • Acesse o site da Dataprev, com o login do Gov.br;
  • Preencha o campo com o seu Cadastro de Pessoa Física (CPF);
  • Com o seu nome completo; e
  • Com o nome da sua mãe completo (ou selecione a opção “mãe desconhecida);
  • Coloque sua data de nascimento no campo solicitado;
  • Selecione o reCAPTCHA para provar que é humano;
  • Clique em “ENVIAR”.

Valor do Auxílio Emergencial retroativo

Em 2020, o Brasil começou a enfrentar a pandemia de COVID-19. Diante disso, e com  o intuito de minimizar os impactos gerados, o governo pagou o Auxílio Emergencial. O programa foi destinado às pessoas em situação de vulnerabilidade social.

Os valores repassados foram de R$ 600 e R$ 400 mensais, conforme o mês de pagamento. Porém, as mulheres chefes de famílias monoparentais receberam a parcela em dobro. Agora esse pagamento em dobro também será pago aos pais que estavam na mesma situação.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

publicidade

Serão pagas as parcelas referentes aos meses entre abril e agosto de 2020. Assim, a quantia recebida varia conforme o mês de aprovação do benefício. Veja abaixo os valores disponibilizados para saque do Auxílio Emergencial retroativo:

  • Quem recebeu desde abril de 2020 receberá R$ 3 mil;
  • Quem começou a receber em maio terá direito a R$ 2.400;
  • Quem teve o início dos pagamentos em junho receberá R$ 1.800;
  • Os pais solteiros que tiveram o benefício liberado em julho receberão R$ 1.200; e
  • Quem teve o benefício aprovado a partir de agosto receberá R$ 600.

publicidade

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Glaucia Alves
Gláucia Alves é formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Atuou na área acadêmica durante 8 anos. Em 2020 começou a trabalhar como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR, produzindo conteúdo sobre economia e direitos da população brasileira, onde já acumula anos de pesquisa e experiência. Além de realizar consultoria de redação on-line.