Bolsa de Valores: ações do Santander (SANB11) ‘contaminam’ o mercado; entenda

Nesta terça-feira (26), o Santander Brasil (SANB11) divulgou os resultados do primeiro trimestre deste ano, que não agradaram o mercado. Após a publicação dos números, as ações do banco despencaram. Essa desvalorização ainda contaminou quase todo o setor na bolsa de valores.

Bolsa de Valores: ações do Santander (SANB11) 'contaminam' o mercado; entenda
Bolsa de Valores: ações do Santander (SANB11) ‘contaminam’ o mercado; entenda (Imagem: Montagem/FDR)

No primeiro trimestre, o Santander Brasil teve lucro líquido gerencial de R$ 4,005 bilhões. Isso representa uma queda de 1,3% em comparação ao mesmo período do ano passado. Já em relação ao trimestre imediatamente anterior, houve um aumento de 3,2%.

O lucro líquido gerencial ficou ligeiramente abaixo das estimativas de analistas consultados pelo Valor. Os especialistas previam um ganho de R$ 4,039 bilhões.

Nos três primeiros meses do ano, o lucro societário do banco ficou em R$ 3,946 bilhões. O valor ficou 40,1% acima do registrado no mesmo período de 2021.

O Santander apresentou margem financeira bruta de R$ 13,938 bilhões entre janeiro e março deste ano. Em comparação ao primeiro trimestre do ano passado, o resultado ficou 3,8% maior. No entanto, em relação aos três meses imediatamente anteriores, houve uma queda de 1,5%.

As despesas líquidas com provisões para devedores duvidosos (PDD) totalizaram R$ 4,612 bilhões. Isso representa uma alta de 45,9% na base anual. Já em comparação ao trimestre imediatamente anterior, foi visto um aumento de 24,9%.

As receitas de prestação de serviços e tarifas bancárias chegaram a R$ 4,617 bilhões no primeiro trimestre. Na base anual, houve uma alta de 5,7%. Já na base trimestral, existiu uma redução de 7,3%.

Desempenho das ações do Santander (SANB11)

No fechamento desta terça-feira, as ações do Santander registraram queda de 4,55%, a R$ 32,10. Os analistas de corretoras apresentaram uma perspectiva cautelosa/neutra para o banco.

O resultado trimestral do Santander elevou o pessimismo do mercado sobre os próximos balanços dos grandes bancos. Diante desse temor, as ações de outras instituições financeiras também recuaram.

Os papéis do Bradesco (BBDC4), Itaú (ITUB4), e Banco do Brasil (BBAS3) caíram 4,29%, 3,4% e 2,24%, respectivamente.

Já o índice de referência da bolsa de valores, o Ibovespa, encerrou o pregão em queda de 2,23%, aos 108.212 pontos. Este foi o menor nível de fechamento desde 24 de fevereiro. Na mínima diária, o índice da B3 chegou aos 107.978 pontos.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.