IPTU: ex-atriz da Globo pode perder a casa por conta de dívida; descubra quem é

Pontos-chave
  • A prefeitura do Rio de Janeiro entrou com uma ação de execução fiscal contra a atriz Cristiana Oliveira;
  • A atriz deixou de pagar o imposto de 2016 até 2019;
  • Em uma última citação judicial, Cristiana não foi encontrada no imóvel.

A prefeitura do Rio de Janeiro entrou com uma ação de execução fiscal contra a atriz Cristiana Oliveira por dívidas de IPTU que, juntas, somam R$ 64.516,68, valores que ainda serão reajustados. A última atualização da dívida foi feita há quase um ano. 

Por conta da atriz ter deixado de pagar o imposto de 2016 até 2019, o imóvel no Itanhangá, Zona Oeste da cidade, pode ser penhorado pela Justiça, uma vez que, segundo a ação, não houve qualquer aceno por quitação da dívida ou acordo no Tribunal de Justiça do Rio.

Em uma última citação judicial, Cristiana não foi encontrada no imóvel. O último trabalho da atriz na TV foi na novela ‘Topíssima’, exibida pela Record em 2019.

A atriz tornou uma das estrelas mais populares do Brasil quando interpretou Juma Marruá na novela ‘Pantanal’, maior sucesso da extinta rede Manchete, em 1990.

Por coincidência, a Globo está prestes a estrear um remake daquela produção.

A atriz não foi convidada a fazer nem sequer uma participação especial na nova versão da novela. Muitos esperavam que ela fosse escalada no papel de Maria, a mãe de Juma, que acabou com Juliana Paes.

A presença da atriz seria uma forma de homenageá-la. Na primeira versão, da Manchete, ela brilhou como a protagonista, papel que lhe rendeu o passaporte à Globo.

Cristiana, aliás, apareceu na primeira apresentação da trama. A matéria foi ao ar no Fantástico e ela desejou sorte à nova intérprete de Juma. Mais tarde, Alanis Guillen ficou com a personagem.

Além de dar apoio à novata, a veterana tem trocado figurinhas com Alanis sobre a composição de Juma. O trabalho, nesse caso, é realizado “atrás das câmeras”.

Cristiana

É filha de Oscar de Oliveira e Eugênia Barbosa da Silva de Oliveira, é a caçula de nove filhos (dois homens e sete mulheres). Nascida e criada em Ipanema, para ajudar nas despesas familiares, começou a trabalhar com 10 anos de idade, numa floricultura próxima de sua residência.

Por conta da depressão na adolescência, abandonou os estudos e fugiu da casa dos pais para morar com sua melhor amiga, que havia se mudado há poucos meses para São Paulo, onde passou a trabalhar como caixa de supermercado.

Ficou 1 mês desaparecida, e só depois desse tempo comunicou aos pais que estava bem e trabalhando, e eles entenderam o que ela estava passando, e pediram para ela voltar.

Nessa época, após voltar para casa, voltou a estudar e começou a trabalhar como divulgadora, fazendo assessoria de imprensa para teatro junto a sua irmã Marió.

Em 1983, aos 20 anos, ela estreou como modelo ao participar de um concurso de beleza do Jornal do Brasil que promovia uma marca de óculos, no qual foi vencedora.

A jovem chamou atenção de diversos produtores de moda, passando a realizar desfiles e fotografar para editoriais de moda. O grande destaque veio no ano seguinte, 1984, quando assinou com o empresário de moda Eli Hadid Wahbe,que dois anos depois fundaria a Class Modelos e passou a morar na Europa, trabalhando na Alemanha e Espanha.

Já em 1989 chamou a atenção do diretor Walter Salles Jr. por sua desenvoltura diante das câmeras durante a gravação de um comercial produzido por ele, que indicou-a para Jayme Monjardim para realizar um teste na Rede Manchete para apresentar o programa de videoclipes Shock, que estava vago com a saída de Carolina Ferraz.

Cristiana passou no teste, porém não chegou a estrear no programa, uma vez que Jayme convidou-a para realizar novos testes para a novela Kananga do Japão, acreditando que ela poderia se tornar atriz.

O que é IPTU e quem tem de pagar? 

O IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano), como é chamado, é o imposto relacionado a propriedades com construção no meio urbano e calculado com base no valor venal do imóvel (preço da propriedade definido pelo Poder Público).

Sendo assim, ele é cobrado anualmente de todos os proprietários de casas, prédios ou estabelecimentos comerciais nas cidades. 

Já que a incidência do IPTU é sobre a propriedade, o contribuinte precisará realizar o pagamento pelo número de imóveis em seu nome. Caso seja apenas um, paga imposto só de um; se forem dez, paga imposto de dez -cada um com seu valor específico. 

Caso a propriedade seja urbana, porém for somente um terreno, sem construção, paga-se o ITU (Imposto Territorial Urbano). Se for fora do perímetro urbano, incide o ITR (Imposto Territorial Rural), com base em cálculos e alíquotas diferentes do IPTU.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.