Neymar sofre roubo de R$ 200 mil via Pix; confira como os ladrões usaram o dinheiro

A Polícia Civil de São Paulo prendeu um auxiliar administrativo, de 20 anos, que é suspeito de desviar dinheiro das contas do jogador do Paris Saint- Germain, Neymar Júnior. A prisão do jovem foi realizada na Zona Leste da capital Paulista, na segunda-feira (8).

O auxiliar é apontado como operador de um esquema que furta dinheiro por meio de transferências via PIX. Além de Neymar, outros clientes também tiveram dinheiro desviado.

A Secretaria de Estado da Segurança Pública está investigando para identificar a participação de outras pessoas envolvidas no crime.

Lançamento na Netflix

O jogador lançou recentemente um documentário na Netflix, que logo entrou para o top 10 da plataforma.

Em “Neymar: O Caos Perfeito”, o público conhece outro lado do atleta que, por muitas vezes, se envolveu em polêmicas dentro e fora dos campos.

Mesmo com o documentário mostrando momentos de intimidade do jogador, como: a relação conturbada com o pai, momentos tensos que viveu em sua chegada ao PSG e as Olimpíadas de 2016, quando estava brigado com a torcida brasileira, a produção não contempla a vida amorosa do jogador,apenas o caso de acusação de estupro a Najila Trindade.

Nas redes sociais, Neymar não esconde mais o relacionamento com Bruna Biancardi. Sempre que a modelo publica fotos, o atleta faz questão de deixar seu comentário. Além disso, viagens da influenciadora digital à França são comuns

Bruna também passou o aniversário de Neymar com o jogador e deu um presente especial: uma obra de arte feita pelo artista plástico Rich, da Frame Art Brasil.

Investimentos do jogador

O jogador entrou no mercado multimilionário de NFTs.Ele compartilhou em suas redes sociais os dois NFTs que comprou. As aquisições do jogador são da coleção  Bored Ape Yacht Club, Iate clube do Macaco Entediado,se traduzido.

Além dele, outra celebridades como Jimmy Fallon, Eminem e Justin Bieber adquiriam esses NFTs.

O craque pagou US$1,1 milhão pelas imagens. As transações são feitas por meio da criptomoeda Ethereum, a mais usada no mercado de NFTs. 

Esse não é o primeiro NFT que o jogador adquire. Na conta dele na OpenSea é possível ver um outro, que se trata de uma colaboração com a Adidas, além de outras 18 obras.

Uma dessas, faz parte da coleção Diving Dolphins, ou golfinhos mergulhadores, e brinca com o próprio jogador que, supostamente, simula muitas faltas em campo. Na descrição da coleção há o texto “um golfinho deitado em seu habitat natural”.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.