Vai viajar? Saiba como emitir passaporte de vacinação para mostrar no aeroporto

O passaporte de vacinação já tem se tornado uma realidade para muitos brasileiros, em virtude da decisão de vários municípios em adotar essa exigência. O documento é crucial para comprovar a vacinação da Covid-19 e assim, permitir que somente pessoas imunizadas tenham acesso a determinados locais, sobretudo espaços privados e fechados.

publicidade

A apresentação do passaporte de vacinação terá uma expansão significativa neste final de ano, especialmente para quem vai viajar. Agentes da saúde de todo o mundo temem o agravo da pandemia em decorrência das confraternizações, mesmo com o surgimento de uma variante mais agressiva, a ômicron.

Por isso, na tentativa de controlar a situação e amenizar os efeitos da Covid-19, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou que seja feita a cobrança do passaporte de vacinação nos aeroportos, tanto para turistas estrangeiros, quanto para os próprios brasileiros. A medida foi respaldada em dados da Declaração de Saúde do Viajante (DSV).

Na oportunidade, a Anvisa explicou que esses dados coletados possibilitam às equipes dos aeroportos, a realização de análises de inteligência direcionadas a voos e viajantes de maior periculosidade com base em critérios de saúde.

publicidade

“Além da verificação desses casos, a Anvisa realiza, de forma amostral, a abordagem de passageiros para a verificação da comprovação de vacinação e demais documentos necessários”, informou.

Antes de mais nada, é importante saber que o passaporte de vacinação no Brasil, é emitido pelo Conecte SUS, embora possam haver iniciativas estaduais ou municipais para tal comprovação a caráter secundário. 

Conecte SUS

O Conecte SUS é considerado o passaporte de vacinação dos brasileiros. A plataforma permite que o cidadão visualize o Certificado Nacional de Vacinação com dados referentes à Covid-19.

De acordo com o Ministério da Saúde, responsável pela criação da plataforma, “no app o usuário pode inserir todas as informações das vacinas, desde que tenha tomado as duas doses no caso do novo coronavírus”, alegou.

Ao emitir o comprovante de vacinação pelo Conecte SUS, o usuário tem a opção de imprimir o certificado ou salvar uma cópia digital no smartphone, até mesmo na wallet do aparelho celular.

A intenção do Governo Federal ao criar este passaporte de vacinação é para que, futuramente, o Conecte SUS seja capaz de reunir todos os dados necessários para auxiliar o viajante a comprovar que foi imunizado contra a Covid-19. 

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

publicidade

Para adquirir o comprovante de vacinação pelo Conecte SUS basta:

  • Acessar o site ou baixar o aplicativo disponível para Android e iOS;
  • Forneça os dados pessoas para a criação de uma conta;
  • Inicie o acesso oficial informando o CPF e senha cadastrados; 
  • No menu inicial selecione o assunto desejado: vacinas, exames, medicamentos, validação do QR Code, etc;

Lista de cidades que exigem o passaporte de vacinação em locais públicos e eventos

  • Aracaju;
  • Belém;
  • Belo Horizonte;
  • Brasília;
  • Cuiabá;
  • Florianópolis;
  • Goiânia;
  • João Pessoa;
  • Maceió;
  • Manaus;
  • Natal;
  • Palmas;
  • Porto Velho;
  • Recife;
  • Rio Branco;
  • Rio de Janeiro.
publicidade

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.