Combustível caro e frete mais alto podem impulsionar ferrovias no Brasil

No próximo ano, o valor do barril do petróleo deve permanecer em altos patamares. Com isso, a tendência é que os preços dos combustíveis continuem pressionados no país. Os valores devem provocar altas nos valores do frete, de modo a favorecer as ferrovias no Brasil, segundo o Bradesco BBI.

Combustível caro e frete mais alto pode impulsionar ferrovias no Brasil
Combustível caro e frete mais alto pode impulsionar ferrovias no Brasil (Imagem: Montagem/FDR)

Conforme estimativas da consultoria IHS Markit, o preço do barril do petróleo deve custar entre US$ 70 e US$ 80 em 2022. Se o commodity se manter neste nível, os combustíveis podem seguir pressionados, em meio a um ano de eleições presidenciais.

Ao Valor, o diretor e estrategista de downstream (abastecimento) da IHS Markit para a América Latina, Felipe Perez, afirma que o valor do petróleo em 2022 dependerá do comportamento da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) e das ofertas dos Estados Unidos.

Diante deste cenário, o Bradesco BBI estima que os valores maiores devem impactar os preços do frete. Como resultado, deve haver maior competitividade das ferrovias.

Comparação entre o setor de rodovias e ferrovias no Brasil

Ao comparar os dois setores, o transporte ferroviário tem mais eficiência no uso de combustível (diesel) em relação ao rodoviário, segundo o diretor-executivo da Confederação Nacional do Transporte (CNT), ao UOL.

De acordo com dados da Confederação Nacional de Transportes (CNT), mais de 60% das cargas transportadas no país acontecem por meio do setor rodoviário. Na outra ponta, somente 20% passam pelo setor ferroviário.

Valor dos combustíveis no Brasil

Conforme levantamento semanal da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) informou que os valores dos principais combustíveis tiveram estabilidade nos postos.

O valor médio do litro do diesel permaneceu em R$ 5,356. Ao longo deste ano, este combustível — que movimenta os caminhões transportadores de mercadorias e ônibus de transporte público — elevou 47%. No Acre, a ANP indicou que o preço do diesel chegou a R$ 6,492 por litro.

Já a gasolina ficou em R$ 6,753. Neste caso, o preço foi um décimo de centavo abaixo do registrado na semana anterior. Desde o início do ano, a gasolina aumentou 49%. O valor desde combustível passou dos R$ 7 em oito estados brasileiros.

Gostou do conteúdo? Siga @fdrnoticias no Instagram e FDR.com.br no Facebook para ver as últimas notícias que impactam diretamente no seu bolso e nos seus direitos.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.