C6 Bank: Cartões, linha de crédito, tag de pedágio e outros serviços oferecidos

Pontos-chave
  • C6 Bank é um dos bancos digitais mais completos;
  • Os usuários contam com cartão de crédito, conta digital, Tag para pedágio e muito mais;
  • C6 Bank foi inaugurado por Marcelo Kalim, ex-presidente do BTG Pactual.

O C6 Bank é um dos principais bancos digitais do país atualmente e oferece diversos serviços para os clientes como cartão de crédito, linha de empréstimo, conta digital e muito mais. Conheça abaixo alguns dos serviços oferecidos pela fintech.

C6 Bank

O C6 Bank foi inaugurado por Marcelo Kalim, ex-presidente do BTG Pactual, e no ano passado, recebeu a permissão do Banco Central do Brasil para operar.

O banco digital tem a finalidade de atrair clientes de todos os perfis de renda, através da oferta de uma conta corrente sem cobrança de tarifas.

Além disso, assim como seus concorrentes, o banco tenta extinguir a burocracia, que tanto irrita os clientes dos grandes bancos tradicionais.

Conta digital e cartão de crédito 

O C6 Bank possui o cartão internacional sem cobrança de anuidade. Além disso, o C6 Bank também tem a opção de conta digital, oferecendo serviços como transferências e TEDs ilimitadas, manutenção de conta grátis, depósito por boleto, portabilidade de salário e saques gratuitos nos caixas 24 horas.

Um grande trunfo é o saque gratuito, já que seu principal concorrente cobra por cada saque feito pelos usuários.

Falando dos juros do rotativo, a fintech cobra uma taxa de 10,7% ao mês, a mais alta entre as concorrentes. Um ponto de atenção.

Os clientes podem optar pelos cartões C6 Débito, C6 ou C6 Carbon. Este último possui uma anuidade de 12 vezes de R$85 com isenção nos três primeiros meses. Após esse período:

  • Isenção de 50% para quem gastar a partir de R$ 4.000 por mês
  • Isenção de 100% para quem gasta a partir de R$ 8.000 por mês
  • Para quem investir a partir de R$ 50.000 em CDBs do C6 Bank isenção de 100%

Todos os usuários podem personalizar seu cartão com a cor que desejar e com nome que preferir.

Empréstimo 

Ao precisar de um empréstimo, os clientes C6 escolhem o valor, dia de pagamento e em quantas parcelas querem quitar.

Os pedidos estão disponíveis na última atualização dos sistemas operacionais iOS e Android, sendo necessário atualizar.

A taxa de juros varia de acordo com o perfil de cada cliente, porém, o empréstimo no app não cobra taxa de cobrança do Imposto de Operações Financeiras (IOF).

  • Como solicitar

Existem duas maneiras de solicitar o empréstimo do C6 Bank. Uma delas é receber um e-mail contendo uma oferta personalizada para o usuário.

Outra forma de conseguir é acessando  o aplicativo e pedindo o empréstimo. Para isso, clique na opção “crédito”, insira o valor que precisa, selecione o número de parcelas, data de pagamento e confirme. Após isso, o pedido passará por uma análise de crédito.

C6 Tag

O banco oferece vários serviços, entre eles a C6 Tag. Utilizando o produto, os clientes da fintech passam direto por pedágios e cancelas de estacionamento.

O valor cobrado nos locais é debitado diretamente na conta C6, porém, é preciso ter saldo disponível.

Até o fim do ano passado, a Taggy, nome anterior da C6 Tag, só era aceita em pedágios, porém agora, já é possível utilizar o adesivo em estacionamentos. Caso o usuário precise, ele pode pedir uma segunda via que custa apenas R$20.

O serviço está disponível em todo o país em todos os pedágios de rodovias e estacionamentos cobertos pela Veloe. A solicitação é feita diretamente no app do C6.

Agora a parceira do C6 é a Veloe, unidade de negócios da Alelo, concorrente de outras empresas já estabelecidas neste segmento, como a Sem Parar, por exemplo.

A novidade não muda a forma de contratação pelo correntista do C6 Bank, e nem a gratuidade que já era concedida com a Taggy.

O C6 Bank diz que a tag da Veloe, administrada pelo banco, é aceita em mais de 380 estacionamentos espalhados por todo o Brasil. Neste numero estão inclusos os que existem em shoppings, nas ruas, aeroportos e outros centros comerciais.

A cobertura também foi ampliada nas praças de pedágio e agora tem a promessa de operar em 100% de todas as rodovias pedagiadas do país.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.