Saque da 3ª parcela do auxílio emergencial 2021 começa nesta quinta (1º)

Pontos-chave
  • Aniversariantes de janeiro podem saque e fazer transferências do auxílio emergencial hoje;
  • Calendário de saques da terceira parcela segue até o dia 19 de julho;
  • Prorrogação do auxílio emergencial não altera valores pagos.

Hoje, 1º de julho, é o primeiro dia do calendário de saques da terceira parcela do auxílio emergencial. Os primeiros a poderem movimentar os valores são os aniversariantes de janeiro. 

Saque da 3ª parcela do auxílio emergencial 2021 começa nesta quinta (1º)
Saque da 3ª parcela do auxílio emergencial 2021 começa nesta quinta (1º). (Imagem: FDR)

Nesta sexta-feira, 2, será a vez dos nascidos em fevereiro. O calendário de saques e transferência seguirá gradativamente até chegar ao último grupo composto pelos aniversariantes de dezembro no dia 19 de julho.

Os beneficiários do auxílio emergencial recebem parcelas que podem variar entre R$ 150 para quem mora sozinho, R$ 250 para os chefes de grupos familiares e R$ 375 para as mães solteiras chefes de famílias monoparentais.

As quantias foram depositadas na conta poupança social digital gerenciada pelo aplicativo Caixa Tem entre 18 a 30 de junho. 

As informações dadas até agora se referem ao grupo geral, composto por desempregados, trabalhadores autônomos e cidadãos de baixa renda inscritos no Cadastro Único (CadÚnico) do Governo Federal. Isso porque, os beneficiários do Bolsa Família também tem direito a receber o auxílio emergencial

Neste caso, existe um calendário específico que segue as diretrizes do programa original. Portanto, os depósitos do auxílio emergencial para o Bolsa Família são efetuados de acordo com o dígito final do Número de Identificação Social (NIS), durante os últimos dez dias úteis de cada mês.

Isso quer dizer que a terceira parcela do auxílio emergencial para o Bolsa Família já foi depositada nas respectivas contas do Caixa Tem entre o período de 17 a 30 de junho. Este grupo não precisa aguardar para realizar saques e transferências, estes serviços já estão disponíveis no mesmo dia do pagamento. 

A criação de um calendário exclusivo para saques e transferências do auxílio emergencial ocorreu em virtude das aglomerações.

Antes de mais nada, é preciso explicar que na oferta inicial do benefício no ano de 2020, os valores eram disponibilizados nas contas poupança ou correntes de clientes da Caixa Econômica Federal (CEF), ou em contas indicadas no ato da inscrição. 

Os cidadãos aprovados no auxílio emergencial também tinham a oportunidade de obter os valores mediante o saque com o Cartão Cidadão nos terminais eletrônicos, casas lotéricas e correspondentes Caixa Aqui.

Em último caso era possível efetuar o saque em espécie diretamente na Caixa Econômica, foi então que extensas e duradouras filas passarão a ser formadas nas portas das agências por beneficiários em busca dos valores liberados. 

Por esta razão o calendário de saques e transferências foi criado, para equilibrar e organizar a ida de quem realmente precisa ter o dinheiro em mãos às agências bancárias.

Com o propósito de unificar os pagamentos e evitar a circulação nas ruas, a Caixa Econômica decidiu criar o Caixa Tem, por onde os pagamentos foram unificados. 

Caixa Tem

A plataforma oferece uma série de serviços e ferramentas que podem ser usados gratuitamente. O cliente precisa apenas respeitar o limite de R$ 600 por cada transação, se limitando a duas transações por dia, ou seja, R$ 1.200.

Durante todo o período mensal o beneficiário do auxílio emergencial é livre para movimentar até R$ 5 mil sem pagar nenhuma taxa ao banco. 

Entre os produtos e serviços disponíveis gratuitamente na plataforma do Caixa Tem, estão:

  • Pagar boletos online; 
  • Realizar pagamentos na Casa Lotérica; 
  • Fazer recarga de telefone celular vinculado a qualquer operadora; 
  • Contratar o Seguro Apoio Família; 
  • Obter dicas financeiras; 
  • Realizar compras online com o cartão de débito virtual;
  • Realizar compras presenciais mediante a leitura do QR Code emitido pela máquina de cartão do estabelecimento comercial;
  • Informar os rendimentos de pessoa física; 
  • Consultar o Número de Identificação Social (NIS); 
  • Consultar o Bolsa Família;
  • Receber o Seguro Desemprego; 
  • Fazer transferências via TED e DOC;
  • Fazer transferências e efetuar pagamentos com a chave PIX; 
  • Consultar o extrato de movimentação da conta poupança.

Prorrogação do auxílio emergencial 

A prorrogação do auxílio emergencial acontecerá até setembro ou outubro. A data exata de término da rodada atual irá depender de dois fatores.

O primeiro é o ritmo do calendário de vacinação no Brasil e a capacidade de imunizar o maior número de brasileiros possível, pelo menos, com a primeira dose da vacina contra a Covid-19.

O segundo ponto que deve ser observado está relacionado à reestruturação do Bolsa Família. Conforme mencionado acima, os inscritos no programa de transferência de renda têm direito ao auxílio emergencial, motivo pelo qual o Bolsa Família foi suspenso desde o ano passado.

Agora a equipe técnica do Governo Federal trabalha para concluir o texto do novo modelo. 

A previsão é para que o novo Bolsa Família seja lançado até dezembro de 2021. Sendo assim, para que os brasileiros em situação de vulnerabilidade social não fiquem financeiramente desamparados enquanto não há uma certeza sobre a volta do programa de transferência de renda, o auxílio emergencial deve continuar sendo ofertado com os mesmos valores. 

Saque da 3ª parcela do auxílio emergencial 2021 começa nesta quinta (1º)
Saque da 3ª parcela do auxílio emergencial 2021 começa nesta quinta (1º). (Imagem: Marcos Rocha/ FDR)

Calendário de depósito da terceira parcela do auxílio emergencial para o público geral

  • Nascidos em janeiro: 18 de junho;
  • Nascidos em fevereiro: 19 de junho;
  • Nascidos em março: 20 de junho;
  • Nascidos em abril: 22 de junho;
  • Nascidos em maio: 23 de junho;
  • Nascidos em junho: 24 de junho;
  • Nascidos em julho: 25 de junho;
  • Nascidos em agosto: 26 de junho;
  • Nascidos em setembro: 27 de junho;
  • Nascidos em outubro: 29 de junho;
  • Nascidos em novembro: 30 de junho;
  • Nascidos em dezembro: 30 de junho.

Calendário de saques da terceira parcela do auxílio emergencial para o público geral

  • Nascidos em janeiro: 1º de julho;
  • Nascidos em fevereiro: 2 de julho;
  • Nascidos em março: 5 de julho;
  • Nascidos em abril: 6 de julho;
  • Nascidos em maio: 8 de julho;
  • Nascidos em junho: 9 de julho;
  • Nascidos em julho: 12 de julho;
  • Nascidos em agosto: 13 de julho;
  • Nascidos em setembro: 14 de julho;;
  • Nascidos em outubro: 15 de julho;
  • Nascidos em novembro: 16 de julho;
  • Nascidos em dezembro: 19 de julho.

Calendário da terceira parcela do auxílio emergencial para o Bolsa Família

  • NIS com final 1: 17 de junho;
  • NIS com final 2: 18 de junho;;
  • NIS com final 3: 21 de junho;
  • NIS com final 4: 22 de junho;
  • NIS com final 5: 23 de junho;
  • NIS com final 6: 24 de junho;
  • NIS com final 7: 25 de junho;
  • NIS com final 8: 28 de junho;
  • NIS com final 9: 29 de junho;
  • NIS com final 0: 30 de junho.

Calendário da quarta parcela do auxílio emergencial para o público geral

  • Nascidos em janeiro: 23 de julho;
  • Nascidos em fevereiro: 25 de julho;
  • Nascidos em março: 28 de julho;
  • Nascidos em abril: 1º de agosto;
  • Nascidos em maio: 03 de agosto;
  • Nascidos em junho: 05 de agosto;
  • Nascidos em julho: 08 de agosto;
  • Nascidos em agosto: 11 de agosto;
  • Nascidos em setembro: 15 de agosto;
  • Nascidos em outubro: 18 de agosto;
  • Nascidos em novembro: 20 de agosto;
  • Nascidos em dezembro: 22 de agosto.

Calendário de saques da quarta parcela do auxílio emergencial para o público geral

  • Nascidos em janeiro: 13 de agosto;
  • Nascidos em fevereiro: 17 de agosto;
  • Nascidos em março: 19 de agosto;
  • Nascidos em abril: 23 de agosto;
  • Nascidos em maio: 25 de agosto;
  • Nascidos em junho: 27 de agosto;
  • Nascidos em julho: 30 de agosto;
  • Nascidos em agosto: 1º de setembro;
  • Nascidos em setembro: 03 de setembro;
  • Nascidos em outubro: 06 de setembro;
  • Nascidos em novembro: 08 de setembro;
  • Nascidos em dezembro: 10 de setembro.

Calendário da quarta parcela do auxílio emergencial para o Bolsa Família

  • NIS com final 1: 19 de julho;
  • NIS com final 2: 20 de julho;
  • NIS com final 3: 21 de julho;
  • NIS com final 4: 22 de julho;
  • NIS com final 5: 23 de julho;
  • NIS com final 6: 26 de julho;
  • NIS com final 7: 27 de julho;
  • NIS com final 8: 28 de julho;
  • NIS com final 9: 29 de julho;
  • NIS com final 0: 30 de julho.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.