Reclassificação do SISU e Pism aprova 500 candidatos na UFJF

A Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) aprovou mais de 500 candidatos, na segunda lista de reclassificação pelos meios de ingresso SISU e Pism. Às vagas eram para os campus em Juiz de Fora e Governador Valadares. A pré-matrícula já está disponível e será on-line.

Reclassificação do SISU e Pism aprova 500 candidatos na UFJF
Reclassificação do SISU e Pism aprova 500 candidatos na UFJF (Imagem: Reprodução DODF Concursos)

Reclassificação UFJF

A segunda lista de reclassificação de 2021 da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) já saiu. Nela foram convocados 514 candidatos pelos meios de ingressos SISU e Pism.

No total foram aprovados 431 candidatos pelo Seleção Unificada (Sisu) e 83 candidatos pelo Programa de Ingresso Seletivo Misto (Pism). Os aprovados irão estudar no campus-sede, em Juiz de Fora, e para o campus avançado de Governador Valadares.

Ainda tem uma terceira lista de reclassificação para este semestre. Ela será divulgada na quarta-feira (26) para os candidatos que se inscreveram pelo SISU, Pism e pelo Vestibular de Música.

A pré-matrícula será on-line e está disponível desde o dia 19 de maio e vai até 23 de maio de 2021. Ela é feita pelo site do Sistema Integrado de Gestão Acadêmica.

Feito isso, os candidatos devem enviar toda à documentação obrigatória, digitalizada, a partir do dia 25 a 28 de maio no site da Siga.

No entanto, cada aluno tem o seu dia reservado para enviar os documentos, o cronograma com datas e horários, está disponível na página do Cdara.

Documentação obrigatória

Confira todos os documentos obrigatórios para à realização da matrícula on-line:

  • Uma foto recente, tamanho 3x 4;
  • Uma cópia simples e legível da Certidão de Nascimento ou Casamento;
  • Cédula de Identidade (frente e verso);
  • Declaração ou Certificado de Conclusão do Ensino Médio Regular ou equivalente com data de conclusão do curso;
  • Histórico Escolar completo do Ensino Médio ou equivalente;
  • CPF – Cadastro de Pessoas Físicas;
  • Título de Eleitor (frente e verso) para brasileiros maiores de 18 (dezoito) anos;
  • Comprovante da quitação eleitoral da última eleição – 1º e 2º turnos
    (caso não possua os comprovantes de votação, deverá retirar cerdão de quitação eleitoral no site do Tribunal Superior Eleitoral –TSE);
  • Certificado de Reservista ou Atestado de Alistamento Militar com os carimbos atualizados ou Atestado de Matrícula para brasileiros maiores de 18 anos, se do sexo masculino.

Os candidatos selecionados por meio da cota de escola pública, devem apresentar histórico constando que, o aluno cursou o Ensino Médio completo na instituição tal de ensino público.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Mariana Castro
Mariana Castro é formada em Pedagogia pela Universidade Brás Cubas em Mogi das Cruzes - SP. Atualmente trabalha como professora na rede privada de ensino e dedica-se a sessão de carreiras do FDR, produzindo pautas sobre educação e emprego.