Auxílio desemprego estadual: SP vai beneficiar 700 MIL pessoas a partir de maio

Nesta segunda-feira (22), o governador de São Paulo, João Doria (PSDB) anunciou uma mudança no programa Frente de Trabalho. Seria o aumento do valor da bolsa no auxílio desemprego para cerca de R$450 em até cinco parcelas, que deve beneficiar cerca de 70 mil trabalhadores a partir do dia 1º de maio. 

Auxílio desemprego estadual: SP vai beneficiar 700 MIL pessoas a partir de maio
Auxílio desemprego estadual: SP vai beneficiar 700 MIL pessoas a partir de maio (Foto: Google)

Essa ampliação faz parte de um conjunto de duas iniciativas de auxílio, mas que tem em contrapartida a qualificação profissional dos inscritos.

O programa Frente de Trabalho, que agora é Bolsa Trabalho, vão oferecer 70 mil bolsas-auxílio e qualificação online para a população desempregada do estado. 

As principais mudanças na proposta são o aumento do auxílio, do valor de R$330 para R$450 pelo período de cinco meses. Além da possibilidade dos órgãos públicos, como as prefeituras ampliarem as bolsas.

Está prevista ainda a inclusão dos novos serviços de trabalho como a contratação de mães e pais, para atuar nas escolas, apoiando essa retomada das aulas após a pandemia causada pelo novo coronavírus. 

Os bolsistas devem realizar ainda curso de qualificação profissional online do Via Rápida Virtual. As aulas serão ministradas pelo Centro  Paula Souza e pela Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp).

Os cursos são nas áreas de atendimento, vendas e gestão e terão duração de pelo menos 60 horas.

As prefeituras podem oferecer para os estudantes laboratório de computador e tutor para apoiar os beneficiários.

A proposta de lei, denominada de Programa Emergencial de Auxílio-Desemprego (Pead) vai ser enviada para Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp).

Se for aprovado o projeto, devem ser divulgados os detalhes para a realização das inscrições e os requisitos para participar.

Mais iniciativas

Outra iniciativa apresentada pelo governo foi a abertura de cerca de 30 mil vagas até o final deste ano de 2021, para o Bolsa-Auxílio do programa Via Rápida.

Os estudantes que realizarem sua inscrição nos cursos de qualificação vão receber uma bolsa no valor de R$210 como uma ajuda de custo no transporte e alimentação.

As inscrições no programa começam na próxima semana. O pagamento do auxílio vai ser disponibilizado em dez dias de aulas, e será feito por meio do código bancário, que o aluno vai usar para sacar em caixa eletrônico. 

Esse recurso vai valer para os cursos de 60 a 160 horas do SP Tech e SP Criativo.

Gostou do conteúdo? Siga @fdrnoticias no Instagram e FDR.com.br no Facebook para ver as últimas notícias que impactam diretamente no seu bolso e nos seus direitos.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.