Heineken abre 81 vagas de emprego em São Paulo e algumas capitais

O Grupo Heineken está com 81 vagas de emprego abertas em diversas cidades do Brasil. As oportunidades são para as áreas de vendas, logística e produção, finanças e recursos humanos para atuação em Jacareí (SP), São José dos Campos (SP), Itu (SP), Florianópolis (SC), Recife (PE), Belém (PA), Goiânia (GO), e outros municípios.

Heineken abre 81 vagas de emprego em São Paulo e outras TRÊS capitais
Heineken abre 81 vagas de emprego em São Paulo e algumas capitais. (Imagem: GettyImages)

As atividades podem ser desempenhadas remotamente. O novo regime de teletrabalho da empresa engloba 1,3 mil colaboradores das áreas corporativas. Funcionários administrativos das fábricas e centros de distribuição também terão direito ao home office, com limite de até duas vezes por semana.

Inscrições para vagas de emprego da Heineken

Os interessados podem acessar o site da empresa, criar um perfil e cadastrar os currículos na área “carreiras”. A plataforma apresenta o cargo, a área de atuação, a localidade e a data de disponibilização da vaga. Também é possível fazer um cadastro no banco de talentos, para futuras oportunidades.

Na área comercial, há vagas para consultor de televendas, promotor de vendas, vendedor e supervisor. Na área de produção, as oportunidades são para técnicos de instalações industriais, técnicos de automação e operadores de produção. Na logística, para analistas e operadores logísticos.

O Grupo Heineken tem 13 mil empregados no Brasil e é responsável pela produção de rótulos de marcas mundialmente conhecidas. O bloco atende Heineken, Amstel e Baden Baden, além de marcas de cerveja de consumo local, como Sol, Kaiser, Bavaria, Xingu e Eisenbahn.

Entre os benefícios que a empresa oferece está um programa de acompanhamento da saúde mental. Na pandemia, foi lançada uma plataforma interna que aproxima os funcionários de atendimento médico, psiquiátrico e psicológico.

O gerente de Saúde Corporativa do grupo, Gustavo Locatelli, explica que um dos principais caminhos é oferecer um canal com comunicação facilitada. Além disso, os programas de acompanhamento precisam ter autonomia para interferir em equipes e definir como melhorar a qualidade de vida.

A plataforma digital Heineken Cuida concentra as iniciativas de saúde do trabalho em um só programa. Segundo ele, a ideia é ajustar as atividades dos colaboradores de acordo com as dificuldades emocionais, de forma que a produção não seja diretamente impactada.

 

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Mônica Chagas
Mônica Chagas Ferreira é mestranda em Letras pela Universidade Estadual de Maringá (UEM) e formada em Jornalismo pela Universidade Estadual de Londrina (UEL). Como pesquisadora, estuda Análise do Discurso na perspectiva foucaultiana, contemplando relações de saber, poder e política presentes na mídia. Enquanto jornalista, já atuou em rádios e veículos impressos. Atualmente trabalha como assessora de comunicação e redatora do FDR.