Contribuição do MEI terá reajuste a partir de 2021; saiba o VALOR que vai pagar

Ao se tornar um Microempreendedor Individual (MEI), a pessoa terá acesso a diversas vantagens. Entre os benefícios, há os previdenciários, como o auxílio-doença e a aposentadoria. No entanto, alguns requisitos devem ser cumpridos, como a contribuição mensal. Descubra o valor a ser pago com o reajuste para 2021.

Contribuição do MEI terá reajuste a partir de 2021; saiba o valor que vai pagar
Contribuição do MEI terá reajuste a partir de 2021; saiba o valor que vai pagar (Imagem: Ono Kosuki/Pexels)

O trabalhador autônomo, ao se formalizar como MEI, precisa pagar uma parcela mensal do Documento de Arrecadação do Simples Nacional (DAS). O valor a ser pago não possui variação ao longo do ano. A única exceção é na mudança entre os anos — por conta do reajuste dos salários mínimos.

Isso ocorre porque o valor a ser pago tem o cálculo baseado em 5% do salário mínimo. Com a mudança do salário, o DAS sofre alteração imediata. Em geral, o pagamento ocorre no dia 20 de cada mês.

Vale lembrar que o valor a ser contribuído tem diferença, conforme a atividade comercial. Em 2020, por exemplo, a quantia a ser paga para comércio e indústria é de R$ 53,25 — sendo R$ 52,25 de INSS e R$ 1,00 de ICMS.

Para os serviços, o valor mensal é de R$ 53,25 — sendo R$ 52,25 de INSS e R$ 5,00 de ISS. Já o comércio e serviços tem o pagamento mensal de R$ 58,25 — sendo R$ 52,25 de INSS e R$ 6,00 de ICMS e ISS.

Reajuste para 2021

Para 2021, o salário mínimo deve ser de R$ 1.087,84. Esse número tem como consideração a projeção para a inflação, de 4,1% para este ano. Caso o valor seja arredondado, o salário mínimo como base para o calcular o DAS deve ser de R$ 1.088,00.

Sendo assim, o cálculo para o pagamento de 2021 deve ser 5% de R$ 1.088, além do imposto estipulado para a atividade. Com isso, a atividade de comércio e indústria de pagar o valor mensal do DAS de R$ 55,40 — sendo de R$ 54,40 de INSS e R$ 1,00 de ICMS.

Para os serviços, a contribuição será de R$ 59,40 tem a previsão de ser de R$ 59,40 — sendo R$ 54,40 de ISS e R$ 5,00 de ISS. O comércio e serviços tem o valor mensal de R$ 60,40 — sendo R$ 54,40 de INSS e R$ 6,00 de ICMS e ISS.

Para os pagamentos sejam cumpridos, o Microempreendedor Individual deve se organizar. Como em qualquer finança, a pessoa precisa ter um planejamento para não faltar na hora de quitar a cobrança.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.