Revalida 2020 libera consulta ao cartão confirmação e local de prova; veja como acessar

Os 15.498 inscritos para participar do Revalida 2020 já podem consultar o cartão de confirmação com importantes informações sobre a aplicação da primeira fase da prova teórica, que acontece em 6 de dezembro de 2020. 

Revalida 2020 libera consulta ao cartão confirmação e local de prova; veja como acessar
Revalida 2020 libera consulta ao cartão confirmação e local de prova; veja como acessar (Imagem/Reprodução: Google)

Revalida é a o nome simplificado do Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituição de Educação Superior. Uma prova voltada aos profissionais médicos que se formaram no exterior, sejam eles brasileiros ou estrangeiros, que pretendem trabalhar com medicina no Brasil.

Por meio da prova o MEC consegue identificar quais médicos graduados fora do país possuem as capacidades técnicas e práticas necessárias ao trabalho.

Nessa primeira etapa, 13 capitais e o Distrito Federal receberão os inscritos: Belém-PA, Belo Horizonte – MG, Brasília – DF, Campo Grande – MS, Curitiba – PR, Fortaleza – CE, Manaus – AM, Porto Alegre – RS, Recife – PE, Rio Branco – AC, Rio de Janeiro – RJ, Salvador – BA e São Paulo – SP.

Cartão de confirmação do Revalida 2020

Quem vai participar já pode conferir os locais de prova da primeira fase. Basta acessar o site e fazer o login com os dados da conta Gov.com.

Primeira etapa

Em 6 de dezembro serão realizadas as provas práticas da primeira etapa, posteriormente eles serão submetidos a provas de anamnese.

Na prova prática eles terão que responder a 100 questões objetivas pela manhã, com 5 horas para responde-las. E 4 horas a tarde para responder a 4 questões discursivas.

Cronograma

  • 6 de dezembro: Aplicação da prova teórica
  • 8 de dezembro: Divulgação dos gabaritos
  • 8 a 14 de dezembro: Período em que é possível entrar com recurso dos gabaritos
  • 8 de fevereiro: Divulgação do resultado da prova escrita

Revalida 2020

O Revalida deveria acontecer no Brasil a cada seis meses, mas não é aplicado no país desde o ano de 2017, o que justifica o salto no número de inscritos de 7.380 para 16.547 em 2020.

Esse espaço de tempo acabou aumentando a expectativa e também cria certa insegurança nos candidatos sobre quando terão outra oportunidade de participar do processo de validação.

Pensando em, de certa forma, tranquilizar os candidatos, o MEC já afirmo que aquele candidato que for aprovado na primeira etapa, mas perder na segunda, não precisará fazer todo o processo na próxima aplicação do exame, ele continuará o processo seletivo na etapa em que perdeu.

Acompanhe nossa editoria de Carreiras e saiba mais sobre educação, processos seletivos, vestibulares e mais.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jamille Novaes
Jamille Pereira Novaes é graduada em Letras Vernáculas pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), pós-graduada em Gestão da Educação pelo Centro Universitário Maurício de Nassau (UNINASSAU). Como professora de Língua Portuguesa, já atuou no ensino fundamental I e II. Atualmente, trabalha como professora de Língua Portuguesa no ensino técnico e redatora da editoria de carreiras do portal FDR. Jamille utiliza sua experiência na área da educação para cobrir notícias sobre cursos, vestibulares, empregos e concursos.