Saiba o custo recomendado pelo Detran para adesão a nova placa Mercosul em carros e motos

Por conta da determinação do Conselho Nacional de Trânsito, a placa Mercosul para os veículos serão obrigatórias. Esta mudança não valerá para todos os casos, por isso, o condutor deve estar atento a esse detalhe para que possa tomar as providências de acordo com a lei. Confira detalhes sobre as condições e o custo recomendado pelo Detran.

Confira o preço recomendado pelo Detran para adquirir a nova placa Mercosul em veículos
Confira o preço recomendado pelo Detran para adquirir a nova placa Mercosul em veículos (Imagem: Divulgação)

Para a mudança de placa para o modelo Mercosul, o Departamento Estadual de Trânsito (Detran-SP) sugeriu o valor de R$ 138,24 para os carros, ônibus e caminhões. Para motocicletas, o valor indicado será de R$ 114,86.

A pesar do valor estipulado, poderá haver variação de acordo com a empresa contratada. Por conta de ser uma recomendação haverá certa liberdade para a decisão do valor. No entanto, caso haja uma cobrança abusiva, o Procon poderá ser acionado.

Esta lei valerá para todo o território nacional. Alguns estados, como o Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro, já adotaram a medida. Por outro lado, em São Paulo, por exemplo, aplicará a ordem na data-limite.

Novo modelo da placa contará com alguns diferenciais para aumentar a segurança do veículo. Por meio de um QR Code, será mais fácil para rastrear, ao mesmo tempo em que aumentará a dificuldade em falsificar e clonar o material.

Com a mudança do código de identificação da placa, mais de 450 milhões de combinações poderão ser feitas. O formato recente é composto por quatro letras e três algarismos. Com isso, espera-se que as novas possibilidades de combinação se estendam por mais de um século.

Obrigatoriedade

Os veículos que realizarem o primeiro emplacamento ou tiverem que alterar o município de registro do veículo terão que adotar o novo modelo de placa Mercosul.

Além disso, caso aconteça um furto da placa anterior ou esteja danificada a ponto de dificultar a leitura, a mudança será obrigatória.
Primeiro emplacamento

Ao realizar o primeiro emplacamento, o condutor deverá comparecer a uma unidade do Detran para o registro do veículo. Para isso, precisará estar munido de uma nota fiscal e outros documentos necessários.

Com o CRV, o interessado precisará encontrar uma das empresas credenciadas para adquirir a placa. O pagamento acontece diretamente com a empresa estampadora.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Possui experiência em produção textual e, atualmente, dedica-se à redação do FDR produzindo conteúdo sobre economia.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA