Dólar abre a quarta feira em queda de 0,14% sendo negociado a R$5,57

O dólar abriu o dia em queda nesta quarta-feira (14) após a suspenção de testes da vacina contra a covid-19 e a privatização dos Correios no radar do investidor brasileiro. Por volta das 9h10, a moeda norte-americana operava em baixa de 0,14%, sendo negociado a R$ 5,57.

Dólar abre a quarta feira em queda de 0,14% sendo negociado a R$5,57
Dólar abre a quarta feira em queda de 0,14% sendo negociado a R$5,57 (Imagem: Reprodução/Google)

Cenário externo

Nesta última segunda-feira (12), a farmacêutica Johnson & Johnson suspendeu todos os seus testes para a vacina contra a covid-19. A suspensão ocorreu após um dos voluntários dos testes ter adoecido. Segundo a empresa, efeitos adversos eram “parte esperada de qualquer ensaio clínico”. Confira o comunicado:

“Interrompemos temporariamente a administração de novas doses em todos os nossos ensaios clínicos da vacina da Covid-19, incluindo o ensaio ENSEMBLE de fase 3, devido a uma doença inexplicada em um participante do estudo”.

Nesta terça-feira (13), a farmacêutica Eli Lilly informou que seus ensaios clínicos também foram suspensos  após o conselho de monitoramento de segurança de dados ACTIV-3 (DSMB) recomendar uma pausa alegando uma “potencial preocupação de segurança com os voluntários”. A Eli Lilly estuda um medicamento baseado em anticorpos monoclonais.

Por volta das 7h30, os índices das bolsas mundiais operavam instáveis com a paralisação dos testes contra a covid-19 e apresentavam as seguintes variações:

•  Nova York (S&P 500): +0,03%
•  Nova York (Dow Jones): +0,13%
•  Nova York (Nasdaq): +0,03%
•  Frankfurt (DAX 30): -0,1%
•  Reino Unido (FTSE 100): -0,03%
•  Paris (CAC 40): -0,15%
•  Itália (FTSE MIB): +0,38%
•  Japão (Nikkei): +0,11%
•  Hong Jong (Hang Seng):+0,07%

Cenário nacional

No radar dos investidores locais está um projeto de lei assinado pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, viabilizando a privatização dos Correios. A proposta deve ser assinada pelo presidente Jair Bolsonaro ainda nesta quarta-feira (14) e entregue ao Congresso ainda esta semana.

Última cotação do dólar

Na última sessão desta terça-feira (13), o dólar encerrou em alta de 0,98%, sendo negociado a R$ 5,57.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

REDAÇÃO
Cobertura e repercussão de assuntos que impactam o bolso de todos os brasileiros. A redação do FDR.com.br traz diariamente assuntos relevantes de uma forma descomplicada e confiável.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA