Inscrições na CNH Social no Espírito Santo terminam dia 7; veja quem pode fazer 

Atenção, capixabas! O prazo para se inscrever no programa de CNH Social no Espírito Santo vai até 7 de outubro. Ao todo, são 4.500 vagas para conquistar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) de forma gratuita. 

Inscrições na CNH Social do Espírito Santo terminam dia 7; veja quem pode fazer 
Inscrições na CNH Social do Espírito Santo terminam dia 7; veja quem pode fazer (Imagem: reprodução/Google)

O lançamento oficial do programa foi feito na última segunda-feira (28) pelo governador Renato Casagrande. A responsabilidade pelo desenvolvimento do projeto é do Departamento Estadual de Trânsito do Espírito Santo (Detran-ES).

Podem se candidatar pessoas que querem tirar a primeira habilitação nas categorias A (moto) ou B (carro), para condutores já habilitados que querem fazer a mudança de categoria para D (van, micro-ônibus, ônibus) ou E (caminhão e carreta) e para a adição de categoria A ou B.

Inscrições CNH Social no Espírito Santo

Os interessados devem realizar as inscrições pelo portal do Detran-ES até às 23h59 do dia 7 de outubro. 

Após o acesso no site, os candidatos precisam preencher as informações referente aos documentos pessoais e os dados de cadastro contido no Cadastro Único. As informações devem ser exatamente iguais àquelas contidas no sistema do CadÚnico. 

No site, é preciso também aceitar os termos de responsabilidade e declarar a ciência de que não pode infringir as regras contidas no edital.

Requisitos para participar da CNH Social no Espírito Santo

  • Ter 18 anos completos no ato da inscrição; 
  • Residir no Espírito Santo; 
  • Possuir registro do Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), com os dados atualizados nos últimos 24 meses até o dia 14 de agosto;
  • Possuir renda familiar de até dois salários mínimos; e 
  • Não estar judicialmente impedido de possuir a CNH. 

Todas as informações inseridas na inscrição pelo candidato devem conferir, precisamente, com as informações do Cadastro Único

Do total de vagas, serão reservadas 5% para as pessoas com deficiência. É necessário apresentar durante o cadastro a deficiência. 

Lista de espera 

Os candidatos que não forem selecionados, vão preencher uma lista de espera. Com isso, haverá uma nova oportunidade de ser contemplado com uma vaga. 

A chamada única de suplentes ocorre em 16 de novembro. O objetivo é preencher as vagas remanescentes que provém da não aprovação dos candidatos no processo regular. Em 2019, 1,2 mil suplentes foram chamados nas duas fases do programa.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

REDAÇÃO
Cobertura e repercussão de assuntos que impactam o bolso de todos os brasileiros. A redação do FDR.com.br traz diariamente assuntos relevantes de uma forma descomplicada e confiável.