App do Play Store rouba senhas bancárias disfarçado de conversor de moedas

No meio da pandemia do novo coronavírus, diversas medidas foram tomadas para auxiliar brasileiros. O digital se toronou cada vez mais presente no dia a dia e com isso golpes em app do Play Store surgem para tentar roubar dados e senhas bancárias dos usuários.

App do Play Store rouba senhas bancárias disfarçado de conversor de moedas (Reprodução/Internet)
App do Play Store rouba senhas bancárias disfarçado de conversor de moedas (Reprodução/Internet)

Em recente nota divulgada ao G1, a fabricante de antivírus Avast detalhou que uma série de golpes estão sendo aplicados para os usuários de um aplicativo disponibilizado no sistema Android.

A aplicação já foi baixada por mais de 10 mil pessoas na PlayStore. O golpe está sendo aplicado de forma mascarada, uma vez que o aplicativo é um ladrão de senhas bancárias e está disfarçado como um “conversor de moedas”.

O app tem o nome de “Calculadora de Moneda”. Inicialmente, foi criado para os moradores da Espanha, mas, posteriormente, começou a ser distribuído em março usando restrições geográficas na Play Store.

É importante destacar que, segundo o Avast, o app desempenhava a função prometida e não apresentava comportamento malicioso no início. Porém, com o passar do tempo, foi observada um código de “dropper“.

Segundo a gigante da segurança digital, este ponto é um considerado componente malicioso responsável por instalar outros aplicativos. A sua atividade estava sendo observada há dias.

Já aos usuários, havia a recomendação da utilização e baixar uma variação do “Cerberus”, um conhecido ladrão de senhas bancárias. Com este app é possível exibir janelas sobrepostas para que as vítimas digitem as informações da conta bancária, mas em uma tela falsa.

Esta mesma técnica do Cerberus foi utilizada pelos anteriormente pelos apps que roubavam senhas do Facebook. O app também monitora as mensagens SMS recebidas no smartphone, impossibilitando a conferência de banco aos dados.

Porém, depois da identificação do problema, foi realizada uma atualização no app, permitindo a não autorização para o procedimento. Ação foi realizada na última segunda (6). Mas aqueles que tem o app já instalado podem continuar sendo espionado.

Aplicativo foi denunciado e removido da Play Store. A orientação é ficar atento a esses meios e antes de baixar os apps saber a procedência. Uma vez que criminosos têm utilizado diversos subterfúgios para distribuir esses ladrões de senhas na loja.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

REDAÇÃO
Cobertura e repercussão de assuntos que impactam o bolso de todos os brasileiros. A redação do FDR.com.br traz diariamente assuntos relevantes de uma forma descomplicada e confiável.