Imposto de Renda 2020: Você está no 2º lote de restituição? Aprenda a consultar!

Receita Federal começará a pagar os valores do segundo lote da restituição do Imposto de Renda 2020. A partir do próximo dia 30, os contribuintes que tiverem direito a devolução fiscal poderão sacar suas quantias. No entanto, para quem está em dúvidas se poderá gozar ou não do benefício, estão liberadas as consultas, realizadas no site da RF. No texto abaixo, ensinamos como fazer o procedimento, confira.  

Imposto de Renda 2020: Você está no 2º lote de restituição? Aprenda a consultar! (Imagem: Reprodução - Google)
Imposto de Renda 2020: Você está no 2º lote de restituição? Aprenda a consultar! (Imagem: Reprodução – Google)

Para poder conferir se tem direito as restituições, o contribuinte deve acessar a página da Receita na internet ou ligar para o telefone 146. O procedimento é simples e solicita apenas o número da documentação pessoal do cadastrado. Basta se conectar no login de acesso individual, disponível também em uma versão de aplicativo para tablets e celulares e informar o número do CPF.  

Feito isso, a ferramenta apresentará as seguintes informações:  

  • Se o cidadão terá direito a restituição e quais os valores a serem depositados;  
  • Declaração está na “fila de restituição”, ou seja, que está tudo correto (apenas aguardando a liberação dos valores nos próximos meses); 
  • Declaração está “em processamento”, ou na “fila de espera” do órgão. 

Para quem estiver com status de “em processamento” ou na “fila de espera”, significa que há erros nas informações prestadas pela declaração, ou seja, o contribuinte caiu na malha fina. Nesse caso, ele deverá gerar uma declaração retificadora, corrigindo as informações pontuadas pera Receita.  

Calendário de restituições do Imposto de Renda 2020

Este ano, as restituições serão pagas em cinco lotes: 

  • 1º lote: 29 de maio de 2020 
  • 2º lote: 30 de junho de 2020 
  • 3º lote: 31 de julho de 2020 
  • 4º lote: 31 de agosto de 2020 
  • 5º lote: 30 de setembro de 2020 

De acordo com dados da Receita Federal, nesse momento serão contemplados cerca de 3.306.644 de brasileiros, que deverão receber em média R$ 5,7 bilhões. Ainda de acordo com o órgão, o pagamento será o “maior valor para um lote de restituição em todos os tempos”.  

Para poder sacar, basta o contribuinte ir até uma unidade bancária de sua instituição, informada no ato da declaração. É válido ressaltar que o valor é enviado diretamente para sua conta pessoal, sem a possibilidade de depósitos em outros nomes. 

 

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.