Pedidos do seguro desemprego e auxílio de R$600 criam filas em SC; veja como pedir online

Em meio a pandemia do novo coronavírus, diversas empresas precisaram demitir funcionários neste período para tentar manter-se ainda em operação. A redução no quadro proporcionou também um aumento no número de solicitações do seguro-desemprego.

Pedidos do seguro desemprego e auxílio de R$600 criam filas em SC; veja como pedir online (Reprodução/Internet)
Pedidos do seguro desemprego e auxílio de R$600 criam filas em SC; veja como pedir online (Imagem: Reprodução/Internet)

Além do seguro, o auxílio emergencial também fez com que a demanda de atendimentos tivesse um reajuste. O aumento foi observado em Santa Catarina, estado da região Sul do país. Os trabalhadores formam filas para tentar obter os benefícios.

A Caixa Econômica Federal e o Sistema Nacional de Emprego (Sine) foram os locais em que houve um crescimento no atendimento. A aglomeração foi observada na última terça-feira (12) pela reportagem da TV Globo.

Em números, o crescimento nas solicitações do seguro-desemprego quase dobrou no estado de março para abril – período também correspondente a pandemia. Neste sentido, ainda foram observadas filas em Florianópolis.

Vale ressaltar que o Sine da cidade está realizando atendimento apenas via agendamento, o procedimento é feito pela internet. Mas alguns trabalhadores têm encontrado dificuldades na marcação de horários e decidem ir presencialmente para os locais.

Na segunda-feira (11), o sistema do Sine ficou fora do ar durante meia hora. Durante o período, ninguém conseguia atendimento via internet e também presencialmente. Problema já foi admitido pela gerencia do órgão.

“O sistema não estava preparado e houve uma procura muito grande. Todos os estados fecharam Sine e o Brasil todo começou a usar o meio digital e o sistema ficou sobrecarregado”, detalhou Ramon Fernandes, coordenador do Sine em Santa Catarina.

Ainda no estado, a cidade de Joinville também teve filas formadas, mas, desta vez, por causa do auxílio emergencial. De acordo com a reportagem, não havia aglomerações e todos os presentes usavam máscaras.

Os problemas ainda em relação a liberação do auxílio persistem, mesmo com o número de filas diminuindo em todo o país. Caixa explica que já realizou ajustes nos aplicativos Caixa Tem e do Caixa – Auxílio emergencial para atender os beneficiários de forma ágil.

Pedidos do seguro desemprego e auxílio emergencial online

A gestão do Sine detalha que aqueles que encontrarem dificuldades para realizar o procedimento do seguro desemprego por meios digitais, pode enviar e-mail para [email protected] De acordo com eles, tempo de resposta é de 48 horas.

Vale ressaltar que o procedimento de solicitação do seguro-desemprego pode ser realizado integralmente através da internet, por meio do site gov.br. Nele, o interessado realizará o procedimento sem a necessidade de se descolar para agências de atendimento presencial.

O pedido do auxílio emergencial para trabalhadores intermitentes, desempregados, e micro empreendedores individuais (MEI), acontece exclusivamente na internet. No aplicativo “Auxílio Emergencial” ou no site: www.auxilio.caixa.gov.br.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Pedidos do seguro desemprego e auxílio de R$600 criam filas em SC; veja como pedir online

×
Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

REDAÇÃO
Cobertura e repercussão de assuntos que impactam o bolso de todos os brasileiros. A redação do FDR.com.br traz diariamente assuntos relevantes de uma forma descomplicada e confiável.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA