Auxílio emergencial: ESTAS cidades tomaram atitudes sobre filas na Caixa

Em meio a problemática que se formou nas filas das agências da Caixa Econômica Federal para a obtenção do benefício do auxílio emergencial, as prefeituras decidiram tomar algumas atitudes para tentar bloquear e impedir a propagação do vírus.

Auxílio emergencial: ESTAS cidades tomaram atitudes sobre filas na Caixa (Antonio Cruz/Agência Brasil)
Auxílio emergencial: ESTAS cidades tomaram atitudes sobre filas na Caixa (Antonio Cruz/Agência Brasil)

Isto porque, com as filas extensas e a falta de estrutura, brasileiros passaram horas em frente às agências, chegando a dormir nas filas, para tentar garantir o saque dos R$ 600. Com isto, as cenas fizeram uma alertara de perigo para as autoridades.

Na expectativa de suavizar os impactos da situação de quem precisa ficar na fila, prefeituras têm montado tendas e colocado cadeiras próximo às agências para que a população possa esperar sua vez com maior conforto.

Ações como estas forma realizadas em cidades do estado de Minas Gerais, na região Sudeste do país. De acordo com as gestões municipais, medidas foram implementadas para garantir conforto e tentar barrar propagação imediata do vírus. Conheça iniciativas:

Em Campo Belo, tenda com 150 cadeiras. Interditada rua em frente à agência na Praça dos Expedicionários. Foram instalados banheiros químicos. Além disto, ação inclui distribuição de senhas.

Funcionários da prefeitura organizam as filas respeitando o distanciamento. De acordo com a gestão municipal, máscaras e álcool em gel são distribuídos para quem chega ao local. Medidas começaram a valer na última terça (5).

Já em Passos, estrutura com tenda foi montada na Avenida Arouca. Foram quatro tendas de 5×5 metros e cadeiras instaladas nos locais. A montagem foi realizada em frente à agência da Caixa.

O mesmo aconteceu em Lambari e Itajubá. Vale ressaltar que todas as agências da Caixa Econômica Federal do país estão trabalhando em horário estendido das 8h às 14h. A alteração nos horários começou desde o início desta semana.

Por fim, Guaranésia também instalou tentas e cadeiras para a população em frente à Caixa Econômica Federa. As ações também incluem distribuição de máscaras e orientações dadas pelos funcionários da caixa e servidores da prefeitura.

Além do estado de Minas Gerais, na capital do Rio de Janeiro a prefeitura acionou a Guarda Municipal para que as filas em frente à Caixa Econômica pudessem ser organizadas.

Os guardas ficaram responsáveis por fechar as ruas próximas aos bancos, organizar o trânsito local e garantir que todos recebam o seu auxílio emergencial com mais segurança.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Auxílio emergencial: ESTAS cidades tomaram atitudes sobre filas na Caixa

REDAÇÃO
Cobertura e repercussão de assuntos que impactam o bolso de todos os brasileiros. A redação do FDR.com.br traz diariamente assuntos relevantes de uma forma descomplicada e confiável.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA