Coronavoucher de R$1.200 faz primeiro pagamento; saiba quem recebe

O auxílio emergencial do governo de R$600, conhecido popularmente como “coronavoucher”, foi criado para auxiliar financeiramente as pessoas em meio a pandemia do coronavírus. Para as mães responsáveis por toda a renda familiar, o auxílio tem o valor dobrado indo para R$1.200 e elas começam a receber a partir de hoje (14).

Coronavoucher de R$1.200 faz primeiro pagamento; saiba quem recebe
Coronavoucher de R$1.200 faz primeiro pagamento; saiba quem recebe (Montagem: FDR)

Para que a mulher nesta condição tenha direito a receber o valor do auxílio dobrado, ela precisa se cadastrar no App Auxílio Emergencial ou no site, e ter no mínimo um filho menor de idade.

Ao se cadastrar, deve informar o número do CPF dos filhos e dependentes. Esta regra vale para mães que não estejam inscritas no Cadastro Único e que não são beneficiárias do Bolsa Família. Já que o governo não tem acesso aos seus dados pessoais.

Leia Mais: Coronavírus: de onde está vindo o dinheiro para medidas do governo contra crise?

Regras para receber o Coronavoucher

  • ser maior de 18 anos de idade;
  • não ter emprego formal;
  • não receber benefício previdenciário ou assistencial, seguro-desemprego ou de outro programa de transferência de renda federal que não seja o Bolsa Família;
  • renda familiar mensal per capita (por pessoa) de até meio salário mínimo (R$ 522,50) ou renda familiar mensal total de até três salários mínimos (R$ 3.135,00); e
  • não ter recebido rendimentos tributáveis, no ano de 2018, acima de R$ 28.559,70.
  • exercer atividade na condição de microempreendedor individual (MEI);
  • ser contribuinte individual ou facultativo do Regime Geral de Previdência Social (RGPS);
  • ser trabalhador informal inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico); ou
  • ter cumprido o requisito de renda média até 20 de março de 2020.

Calendário do auxílio emergencial

Primeira Parcela

  • Trabalhadores informais que estão inseridos no Cadastro Único e possuem conta no Banco do Brasil ou poupança na Caixa: começaram a receber na última quinta-feira (9)
  • Trabalhadores informais que estão inseridos no Cadastro Único e possuem contas em outros bancos ou não têm conta: recebem a partir desta terça (14)
  • Trabalhadores informais, microempreendedores individuais e autônomos que não estão inseridos no Cadastro Único: recebem em até 5 dias depois de realizar o cadastro no novo sistema do governo (não há uma data fixa)
  • Beneficiários do Bolsa Família: recebem de acordo com o calendário do benefício, ou seja, partir do dia 16 de abril.

Segunda Parcela

Trabalhadores informais no Cadastro Único e outros beneficiários que já realizaram o cadastrado no novo sistema do governo e seguindo a data de aniversário:

  • Nascidos em janeiro, fevereiro e março: 27 de abril
  • Nascidos em abril, maio e junho: 28 de abril
  • Nascidos em julho, agosto e setembro: 29 de abril
  • Nascidos em outubro, novembro e dezembro: 30 de abril
  • Beneficiários do Bolsa Família: de acordo com o calendário do benefício, a partir do dia 18 de maio

Leia Mais: Auxílio Emergencial: mais pagamentos saem hoje e ESTE grupo será beneficiado

Terceira Parcela

Trabalhadores informais no Cadastro Único e outros beneficiários que já tiverem feito o cadastrado no novo sistema:

  • Nascidos em janeiro, fevereiro e março: 26 de maio
  • Nascidos em abril, maio e junho: 27 de maio
  • Nascidos em julho, agosto e setembro: 28 de maio
  • Nascidos em outubro, novembro e dezembro: 29 de maio
  • Pessoas que recebem o Bolsa Família: segue o calendário de pagamentos do programa, a partir do dia 17 de junho.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira, formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo, atua como do redator do portal FDR produzindo matérias sobre economia em geral e também como repórter do site Aparato do Entretenimento cobrindo o mundo da TV e das artes.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA