Auxílio emergencial: veja quantas pessoas já conseguiram receber os R$600

Na última quinta-feira (9), cerca de 2,5 milhões de pessoas receberam a primeira parcela do auxílio emergencial de R$600, que foi anunciado pelo governo para os trabalhadores informais do país. A medida foi tomada para ajudar financeiramente os brasileiros durante a pandemia causada pelo coronavírus.

Auxílio emergencial: veja quantas pessoas já conseguiram receber os R$600
Auxílio emergencial: veja quantas pessoas já conseguiram receber os R$600 (Imagem:Reprodução/Google)

Os primeiros a receberem foram aqueles que estão no Cadastro Único do governo federal, mas não recebem o benefício do Bolsa Família e que possuem conta corrente ou poupança no Banco do Brasil e na Caixa Econômica Federal.

Leia Também: App do Auxílio Emergencial: O Passo a Passo Definitivo para Baixar e Usar

O benefício foi creditado na conta poupança de 2.150.497 clientes da Caixa e na conta de 436.078 clientes do Banco do Brasil. Ao todo, foram disponibilizados cerca de 1,5 bilhão para esse pagamento.

O auxílio emergencial vai ser pago para os trabalhadores informais, desempregados, contribuintes individuais do INSS, MEIs, inscritos no Cadastro Único e no Bolsa Família. 

Serão pagas três parcelas no valor de R$600 cada. As mulheres que forem mães e chefe de família poderão receber R$1,2 mil por mês.

Calendário auxílio emergencial

O pagamento será realizado em três parcelas e as datas para receber são diferentes. Veja o calendário:

Primeira parcela

O governo federal separou os beneficiários em três grandes grupos para organizar os pagamentos.

O primeiro grupo é composto pelos beneficiário do Bolsa Família que recebem pelo programa de transferência de renda um valor menor que o do auxílio.

Esse grupo vai poder receber os R$600 a partir do dia 16 de abril, pois ele segue o calendário de pagamento original do programa.

Os outros grupos são formados pelos cidadãos que estão inscritos no Cadastro Único do Governo Federal e os trabalhadores informais, MEIs e os contribuintes individuais do INSS, que estão fora do cadastro único. Esses vão receber dois pagamento em abril e outra em maio.

O primeiro pagamento será até o dia 14 de abril para os que já estão incluídos no CadÚnico. Aqueles que são correntistas do Banco do Brasil ou possuem conta poupança na Caixa devem ter recebido a primeira parcela na quinta-feira, 9.

Os trabalhadores que não estão incluídos no CadÚnico, após se inscrever no aplicativo Caixa Auxílio Emergencial ou site, receberão os créditos conforme checagem dos dados, em até três dias úteis a partir do recebimento dos dados pela Caixa.

Se o trabalhador não estiver no CadÚnico, o sistema solicita número de telefone. Somente é possível vincular um CPF a um número de telefone. Ao informar o número do telefone durante o cadastramento, o sistema enviará uma mensagem SMS com código de validação (token).

Fonte: Ministério da Cidadania

Segunda e Terceira Parcela

A segunda será paga no final do mês e o calendário segue o mês de aniversário dos beneficiários. Os pagamentos vão de 27 a 30 de abril.

Leia Também: Aprenda a consultar saldo do FGTS e saiba se vai sacar R$1.045

Já a última parcela vai ser paga no mês de maio, entre 26 a 29, seguindo o mês de aniversário dos beneficiários.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Atualmente, é redatora do portal FDR, produzindo pautas sobre economia popular e finanças.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA