Auxílio emergencial vai alcançar novas categorias de trabalho; confira lista!

O auxílio emergencial no valor de R$600 destinado para trabalhadores informais e pessoas em situação de vulnerabilidade é um dos pontos mais discutidos durante a última semana nas casas legislativas em Brasília.

Auxílio emergencial vai alcançar novas categorias de trabalhadores; confira lista! (Reprodução/Internet)
Auxílio emergencial vai alcançar novas categorias de trabalho; confira lista! (Foto: Reprodução/Internet)

O benefício tem sido chamado de “Coronavoucher”, fazendo referência a pandemia do novo coronavírus que afeta a economia de todo o país. Desta forma, o repasse do valor visa oferecer auxílio financeiro durantes este momento de crise.

Leia Também: Governo libera R$600 para quem aguarda na fila do BPC! Veja como receber

O texto foi aprovado na última quinta-feira (26) na Câmara dos Deputados, e nesta segunda-feira (30) no Senado. Agora, segue para sanção presidencial. Mas um novo público foi incluído no texto, segundo a defesa do senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE).

O relator do projeto que garante o repasse de R$ 600 para trabalhadores informais alterou o texto incluindo novos perfiis para o recebimento.

A modificação fez com que beneficiários do Bolsa Família sejam inclusos. Antes, a proposta previa que os inscritos no programa social teriam que escolher entre uma ou outra opção. Agora, eles podem acumular o auxílio e a bolsa mensal.

Além deste ponto, alterações também abrangem os trabalhadores intermitentes, que prestam serviço por horas, dias ou meses para mais de um empregador.

O texto com estas modificações já foi aprovado, e segue para assinatura do presidente Jair Bolsonaro. Mas alguns pontos já foram levantados durante a discussão sobre a inclusão de intermitentes.

Líderes de partidos detalham que um outro projeto deverá ser apresentado nessa terça-feira (31) para incluir outras categorias no rol de beneficiários do voucher, como motoristas de aplicativos e pescadores.

Leia Também: Oportunidade de emprego online: feirão abre 200 vagas no Rio de Janeiro

Segundo análise, texto enviado pela Câmara deixava dúvida se intermitentes poderiam se beneficiar. Já para evitar que o projeto original retorne à Câmara, emendas de mérito foram rejeitadas.

Auxílio emergencial

O benefício aprovado será no valor de R$ 600, sendo possível receber até R$ 1,2 mil por família, a depende dos critérios estabelecidos. De acordo com o texto, benefício será repassado durante três meses.

Destaca-se que apenas duas pessoas por núcleo familiar podem receber o benefício. Mas, mães chefes de família terão direito ao auxílio em dobro, ou seja, com 1.200 reais. Confira os requisitos:

  • Ser maior de 18 anos;
  • Não possuir emprego formal;
  • Não ser titular de benefício previdenciário ou assistencial, beneficiário do seguro-desemprego ou de programa de transferência de renda federal, ressalvado o bolsa-família;
  • Possuir renda per capita for de até meio salário mínimos ou a renda familiar mensal total seja de até três salários mínimos;
  • Não ter recebido em 2018 rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70;
  • Trabalhadores informais de qualquer natureza que estão inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal até 20 de março de 2020; e
  • Microempreendedor Individual (MEI)

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

REDAÇÃO
Cobertura e repercussão de assuntos que impactam o bolso de todos os brasileiros. A redação do FDR.com.br traz diariamente assuntos relevantes de uma forma descomplicada e confiável.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA