Salário família pode aumentar renda do trabalhador; veja como receber

Você sabe o que é o salário família? Trata-se de um auxílio fornecido pelo INSS para os trabalhadores de baixa renda que possuam filhos. O valor varia de acordo com a quantidade de dependentes e é liberado mensalmente como uma espécie de ajuda de custo. Para poder receber, é preciso estar com os dados devidamente cadastrados no INSS e se enquadrar nas exigências apresentadas logo abaixo.

Salário família pode aumentar renda do trabalhador; veja como receber (Imagem: Reprodução - Google)
Salário família pode aumentar renda do trabalhador; veja como receber (Imagem: Reprodução – Google)

Entre os pré-requisitos, o benefício exige que os candidatos tenham filhos de até 14 anos. No entanto, no caso de adolescentes com doenças e necessidades especiais o valor é liberado em qualquer idade sobre comprovação médica. Além disso, é preciso ter uma renda mensal de até R$ 1.425,56.

Leia também: Pente fino do INSS cancela 74% dos pagamentos analisados

O benefício pode ser solicitado diretamente no empregador ou então no sindicato ou órgão pelo qual está vinculado. Para poder dar entrada é preciso apresentar os seguintes documentos:

  • Documento de identificação com foto e o número do CPF;
  • Termo de responsabilidade;
  • Certidão de nascimento de cada dependente;
  • Caderneta de vacinação ou equivalente, dos dependentes de até 6 anos de idade;
  • Comprovação de frequência escolar dos dependentes de 7 a 14 anos de idade;
  • Requerimento de salário-família (apenas para processos de aposentadoria ou quando não solicitado no requerimento de benefício por incapacidade).

No caso daqueles que já receberam demais auxílios do INSS, como pensões e aposentadorias, o requerimento deverá ser atualizado no sistema do instituto de modo que evite o entrave do deposito.

Como receber o salário família

Os pagamentos são feitos mensalmente, seguindo o cronograma tradicional já divulgado pelo INSS. A ordem da liberação também é determinada de acordo com o número final do cartão do cadastrado e pode ser retirada em qualquer agência da Caixa Econômica Federal.

Para poder receber é preciso apresentar o cartão e senha do programa ou então ir até o guichê de atendimento portando um documento oficial com foto.

O depósito segue as mesmas regras dos demais auxílios e tem um prazo de saque de até 60 dias, ficando sujeito a suspensão.

Leia também: Calendário do Bolsa Família retoma pagamentos a partir de hoje (27)!

O valor pode ser destinado para mães e pais da mesma família, desde que ambos se enquadrem nas regras mencionadas. Porém, em caso de divórcio a quantia ficará com aquele que obtiver a guarda.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA