PIS/PASEP pode ser sacado com valor maior em fevereiro; saiba como

Profissionais de todo o do país que se enquadram nos critérios de recebimento do benefício do abono salarial devem ficar atentos. Neste ano, a partir de fevereiro, será possível sacar um valor maior de PIS/PASEP comparado ao que foi oferecido em 2019.

PIS/PASEP pode ser sacado com valor maior em fevereiro; saiba como (Reprodução/Internet)
PIS/PASEP pode ser sacado com valor maior em fevereiro; saiba como (Imagem: Reprodução/Internet)

De acordo com dados do governo, as contas do PIS/PASEP representam 22 bilhões de reais correspondente ao benefício de 2018, no qual calendário de recebimento já começou.

Leia Também: Concurso de Goiânia abre inscrições em março com 1,5 mil vagas

O valor recebido em fevereiro pelo contribuinte é proporcional ao tempo de serviço do trabalhador no ano-base. Ou seja, profissionais que trabalharam o ano todo recebem um salário mínimo – atualmente configurando-se em R$ 1.405.

Já para aqueles que tiveram um período de trabalho menor, o valor será o equivalente ao número de meses trabalhados multiplicado por 1/12 do valor do salário mínimo vigente na data do pagamento.

A quantia é a maior da história, quem recebeu até o fim de dezembro de 2019 teve direito a R$998 que era o salário mínimo da época. Em janeiro deste ano a quantia foi paga em R$1.039. E de fevereiro a dezembro de 2020 vale a nova quantia de R$1.045.

Para mais informações sobre esta quantia, o trabalhador pode entrar em contato com a Caixa, por telefone, aplicatibo ou diretamente na agência mais próximo. O telefone disponível para o atendimento do PIS é o 0800 726 0207.

Têm direito ao PIS/PASEP pessoas que trabalham com carteira assinada há pelo menos cinco anos. Atuaram em emprego formal por no mínimo 30 dias no ano anterior ao calendário. Além de ter recebido até dois salários mínimos por mês.

Leia Também: Cotas do PIS/PASEP 2020: saldo está disponível para 10,4 milhões de pessoas

Ainda é necessário que o empregador seja contribuinte do PIS/PASEP. Com isso, ele precisa informar corretamente os dados na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS).

Para consultar os valores disponíveis referentes ao PIS/PASEP, o interessado deverá acessar o site da Caixa ou do Banco do Brasil. Nos portais será possível visualizar se há direito ao benefício.

Valores também podem ser acompanhados por meio do aplicativo Caixa Trabalhador, que está disponível para download no Play Store (Android) ou na Apple Store (iOS).

O PIS, Programa Integração Social, é destinado aos trabalhadores do setor privado. O benefício é pago pela Caixa Econômica Federal.

Já o PASEP, Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público, é direcionando aos servidores públicos e os pagamentos são realizados por meio do Banco do Brasil. Ambos benefícios, PIS/PASEP, obedecem calendários específicos.

Os créditos referentes ao ano de 2018 podem ser sacados até 30 de junho de 2020. Caso contrário, o trabalhador perde o direito a quantia. A partir de julho deste ano começa um novo calendário considerando os meses trabalhados em 2019.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

REDAÇÃO
Cobertura e repercussão de assuntos que impactam o bolso de todos os brasileiros. A redação do FDR.com.br traz diariamente assuntos relevantes de uma forma descomplicada e confiável.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA