Codhab 2020: guia com todas as principais informações

Você sabe o que é o Codhab? Trata-se de um programa do governo federal, vinculado ao Minha Casa Minha Vida, que permite a construção de unidades habitacionais em Brasília. A ação é direcionada para as famílias que possuam uma renda de até 12 salários mínimos e pode ser solicitada por meio do portal oficial.

Codhab 2020: guia com todas as principais informações (Imagem: Reprodução - Google)
Codhab 2020: guia com todas as principais informações (Imagem: Reprodução – Google)

Saiba também: Minha Casa Minha Vida 2020 vai ganhar novas regras e funcionamento; veja quem se beneficia!

Para poder se candidatar ao benefício, é preciso que os moradores do DF se atentem aos seguintes requisitos:

  • Ter maioridade ou ser emancipado na forma da lei;
  • Residir no Distrito Federal nos últimos cinco anos;
  • Não ser, nem ter sido proprietário, promitente comprador ou cessionário de imóvel no DF;
  • Não ser beneficiado em outro programa habitacional no Distrito Federal;
  • Possuir renda familiar de até doze salários mínimos.

Etapas da seleção no Codhab

Inicialmente, os interessados devem acessar o site do Codhad e criar um cadastro fornecendo seus dados pessoais. Na sequência, o mesmo será convocado presencialmente para poder comprovar as informações declaradas na inscrição.

Tendo os dados devidamente validados, passará pela etapa de habilitação, onde suas informações serão confirmadas e publicadas no Diário Oficial. Por fim, passará pela fase de titularidade, onde receberá o registro da imóvel e sua escritura pública.

Aqueles que não atenderam as exigências documentais do programa são nomeados ‘não habilitados’ e automaticamente são desclassificados.

Para tentar a vaga novamente, é preciso revisar as declarações e corrigi-las de modo que esteja dentro das obrigatoriedades propostas pelo projeto.

Faixas de renda

Um dos principais pontos para a aceitação é a declaração de renda do candidato. Ele pode tentar até quatro categorias, a depender de seu recebimento mensal. Os valores destinados por cada família são de:

  • Faixa 1 – renda mensal de 0 a R$ 1.800,00;
  • Faixa 1,5 – renda mensal de R$ 1.800,01 a R$ 2.600,00;
  • Faixa 2 – renda mensal de R$ 2.600,01 a R$ 4.000,00;
  • Faixa 3 – renda mensal de R$ 4.000,01 a R$ 9.000,00;
  • Faixa 4 – acima de R$ 9.000,01 a 12 salários mínimos.

O programa fornece cerca de 40% das moradias para as pessoas do cadastro geral de inscritos individuais, 40% para os cadastrados junto a cooperativas e associações habitacionais e 20% para aqueles que participam dos demais programas habitacionais de interesse social, como o MCMV.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA