Atrasos no INSS causam dezenas de prejuízos aos segurados; saiba as consequências

A grande fila para concessão de benefícios da Previdência Social impacta de forma negativa mais de um milhão de pessoas que estão com os pedidos em atrasos no INSS. A espera é superior aos 45 dias de prazo legais para processamento dos casos.

Atrasos no INSS causam dezenas de prejuízos aos segurados; saiba as consequências
Atrasos no INSS causam dezenas de prejuízos aos segurados; saiba as consequências

No total, há 2 milhões de requerimentos de benefícios em análise para várias categorias, entre elas salario maternidade, auxílio-doença e, claro, aposentadoria.

Os atrasos no INSS têm sido motivo de problemas para diversos profissionais que para tentar contorná-los, acabam somando dívidas e recorrendo ao cheque especial e cartão de crédito.

Leia também: Benefícios do INSS podem aumentar valor em 3x nos seguintes casos; veja!

Especialistas detalham que este atraso pode acarretar em alguns prejuízos para os beneficiários, entre eles a perca de investimentos. Nos casos em que houve o planejamento de usar o valor para aplicações.

Por estar travado, o valor não pode ser direcionado para este fim e, com isso, deixa de ganhar o retorno do investimento.

Desta forma, também pode-se identificar o usuário que, por precisar do dinheiro, acaba retirando de sua reserva de emergência algum valor para realizar pagamentos, já que os benefícios estão temporariamente bloqueados. Com isto, ele deixa de ter o dinheiro rendendo.

O prejuízo pode ser ainda mais complicado caso o solicitante tenha realizado este investimento em algum fundo com maior rentabilidade, a exemplo do Tesouro IPCA, o Índice de preços no consumidor.

Mas, nos casos em que não há as reservas, existe a possibilidade de entrar no cheque especial e deixar o cartão de crédito sem pagamento. Os atrasos na fatura podem custar mais de 12% ao mês sobre o valor que deixou de ser pago.

Já no caso do cheque-especial, elas deixam de pagar aquele teto de 3% em encargos e passam a arcar com até 8% ao mês sobre o crédito. As situações observadas podem somar problemas que levarão tempo para serem contornados.

Atrasos no INSS mostram cenário de crise

As irregularidades já têm somado níveis expressivos de espera. A situação começou quando a plataforma para concessão dos benefícios, o Meu INSS, ficou super lotada e não conseguiu se atualizar com as novas normas da Previdência.

O órgão pontua que os sistemas de concessão de benefícios estão tendo que ser atualizados para adequar-se às novas regras. Tendo em vista que, os cálculos não são realizados de forma manual.

Governo anunciou, na última semana, o interesse em realizar uma força-tarefa para tentar zerar a fila de espera dos pedidos do INSS até dezembro de 2020. A alternativa encontrada foi a contratação provisória de 7 mil militares para auxiliar no atendimento.

AvatarREDAÇÃO
Cobertura e repercussão de assuntos que impactam o bolso de todos os brasileiros. A redação do FDR.com.br traz diariamente assuntos relevantes de uma forma descomplicada e confiável.