Meu INSS não conseguiu diminuir fila de espera dos pedidos; vale a pena usar o aplicativo? 

Com o acúmulo de 2 milhões de benefícios sem resposta, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) tentou contornar a situação com a implementação do Meu INSS, porém nem o serviço conseguiu fazer com que essa fila de espera diminuísse. Veja se vale a pena usar o aplicativo. 

Meu INSS não conseguiu diminuir fila de espera dos pedidos; vale a pena usar o aplicativo? 
Meu INSS não conseguiu diminuir fila de espera dos pedidos; vale a pena usar o aplicativo? 

Na última década, o tempo de espera para a concessão de benefícios triplicou de 27 para 81 dias. 

Os que solicitaram aposentadoria no final do ano de 2019, esperaram cerca de 124 dias, ou seja, mais de quatro meses. 

Leia também: Pagamento do INSS de 2020 começa hoje com reajuste nos benefícios

Há dez anos atrás esse prazo era de 33 dias, nesta época o país tinha cerca de 384 mil benefícios em análise, agora passou para mais de 1,9 milhão.

O governo afirma que o motivo para esse aumento foi a digitalização do sistema, que vem ocorrendo aos poucos desde o ano de 2016.

Em 2018, foi lançado o INSS digital que permitiu que os cidadãos fizessem os pedidos pela internet e telefone, sem precisar ir até as agências.

Com isso, o governo conseguiu fazer as filas físicas desaparecerem para a entregar os documentos, porém, ela foi transportada para o on-line.

Essa facilidade de iniciar o processo, aumentou o número de pedidos. Por outro lado, ficou mais fácil a avaliação dos pedidos. No ano passado, mais de 1 milhão de benefícios foram concedidos de forma automática sem que os servidores fizessem qualquer intervenção. 

Apesar disso, a fila continua grande pois enquanto a demanda cresce os servidores se aposentam e não são substituídos por outros. 

Mais de 17 mil servidores se aposentaram na última década, com isso sobraram 23 mil, o menor número de funcionários do órgão.

Em 2019 cerca de 1,3 milhão de processos ficaram parados há mais de 45 dias. Além disso, mais de 500 mil dentro destes prazos, que é considerável razoável pelo INSS, ou seja, 68,4% dos pedidos represados há mais de um mês e meio. 

Meu INSS

O site Meu INSS e o aplicativo disponível para IOS e Android, oferece 90 dos 96 serviços do Instituto. A solução é mais prática do que comparecer até as agências e possibilita, entre outros:

  • Agendamento;
  • Consulta;
  • Extrato;
  • Solicitação de benefícios;
  • Cálculo de aposentadoria.

No entanto, atualmente não é tão vantajoso para quem deseja fazer pedidos. Já que houve a paralisação dos serviços.

Para os demais serviços e ferramentas, o aplicativo e site do Meu INSS são válidos. Poupando o tempo dos usuários e pensionistas.

 

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Meu INSS não conseguiu diminuir fila de espera dos pedidos; vale a pena usar o aplicativo? 

×
Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Atualmente, é redatora do portal FDR, produzindo pautas sobre economia popular e finanças.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA